Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de curvas padrão com aplicabilidade na análise de expressão do RNA mensageiro de genes da superfamília dos receptores nucleares

Resumo

Vários métodos têm sido desenvolvidos com o propósito de quantificar a expressão gênica. Técnicas de amplificação de fragmentos como a reação da polimerase em cadeia em tempo real (rtPCR) são utilizadas, permitindo a quantificação de RNA mensageiro (RNAm) e reconhecimento de seu caráter tecido-específico. A quantificação do RNAm através da rtPCR exige critérios restritos para garantir a reprodutibilidade dos resultados. Um dos critérios é a utilização de curva padrão oriunda de células que expressem quantidades significantes e estáveis da sequência a ser analisada, resultando em quantificação absoluta da expressão do gene de interesse. No caso dos receptores nucleares, existem limitações no estabelecimento de um único tipo celular que permita a obtenção adequada de RNAm dos receptores androgênico, glicocorticoide e estrogênico. Isto requer uma origem celular diferente para cada tipo de receptor, o que introduz uma variabilidade não desejável entre as curvas padrão, e menor reprodutibilidade dos resultados ao longo do tempo e em diferentes laboratórios. Neste estudo, o objetivo é amplificar quantidades suficientes de cDNA contendo as sequências-alvo de interesse, subsequentemente estocadas em alíquotas a serem utilizadas como curvas-padrão de referência para análise dos genes do receptor androgênico, receptor glicocorticoide (isoformas alfa e beta), receptor estrogênico (isoformas alfa e beta),e o gene normalizador BCR (Breakpoint Cluster Region). (AU)