Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de curvas padrão com aplicabilidade na análise de expressão do RNA mensageiro de genes da superfamília dos receptores nucleares

Processo: 13/14176-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2014 - 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Flavio Richeti
Beneficiário:Flavio Richeti
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP). Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho. São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Carlos Alberto Longui ; Elisangela Oliveira da Silva ; Mylene Neves Rocha
Assunto(s):Endocrinologia  Reação em cadeia da polimerase em tempo real  RNA mensageiro  Receptores de glucocorticoides  Receptores citoplasmáticos e nucleares 

Resumo

Vários métodos têm sido desenvolvidos com o propósito de quantificar a expressão gênica. Técnicas de amplificação de fragmentos como a reação da polimerase em cadeia em tempo real (rtPCR) são utilizadas, permitindo a quantificação de RNA mensageiro (RNAm) e reconhecimento de seu caráter tecido-específico. A quantificação do RNAm através da rtPCR exige critérios restritos para garantir a reprodutibilidade dos resultados. Um dos critérios é a utilização de curva padrão oriunda de células que expressem quantidades significantes e estáveis da sequência a ser analisada, resultando em quantificação absoluta da expressão do gene de interesse. No caso dos receptores nucleares, existem limitações no estabelecimento de um único tipo celular que permita a obtenção adequada de RNAm dos receptores androgênico, glicocorticoide e estrogênico. Isto requer uma origem celular diferente para cada tipo de receptor, o que introduz uma variabilidade não desejável entre as curvas padrão, e menor reprodutibilidade dos resultados ao longo do tempo e em diferentes laboratórios. Neste estudo, o objetivo é amplificar quantidades suficientes de cDNA contendo as sequências-alvo de interesse, subsequentemente estocadas em alíquotas a serem utilizadas como curvas-padrão de referência para análise dos genes do receptor androgênico, receptor glicocorticoide (isoformas alfa e beta), receptor estrogênico (isoformas alfa e beta),e o gene normalizador BCR (Breakpoint Cluster Region). (AU)