Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da motilidade do parasita Plasmodium: identificação de novas moléculas alvo de terapia e validação de candidatos a vacina

Processo: 13/14361-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Vigência: 01 de abril de 2014 - 30 de novembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Georgina Nuri Montagna
Beneficiário:Georgina Nuri Montagna
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Carlos Andres Buscaglia ; Kai Uwe Matuschewski ; Margareth de Lara Capurro-Guimarães ; Maurício Martins Rodrigues
Bolsa(s) vinculada(s):16/05065-1 - Função da proteína HSP27 nos ocinetos de Plasmodium berghei, BP.MS
16/01122-0 - Reprodução do ciclo de Plasmodium berghei, BP.TT
15/04005-2 - Estudo da expressão de uma proteína de heat shock no parasita do modelo murino da malária, BP.IC
14/13976-9 - Regulamento da motilidade em oocinetos do Plasmodium, BP.TT
14/07138-0 - Estudo da motilidade do parasita Plasmodium: identificação de novas moléculas alvo de terapia e validação de candidatos a vacina, BP.JP
Assunto(s):Plasmodium  Biologia molecular  Malária  Parasitos  Esporozoítos 

Resumo

A motilidade dos parasitas da malária é uma característica essencial para que os mesmos possam colonizar o vetor e para a transmissão natural e patogênese da malária em hospedeiros vertebrados. A locomoção e invasão da célula hospedeira em fases móveis do Plasmodium são ambas propriedades dependentes da maquinaria do parasita baseada na interação de proteínas como actina e miosina. O objetivo deste projeto é ampliar a compreensão da motilidade dos oocinetos e dos esporozoítos, a fim de traçar estratégias de intervenção específicas e, eventualmente, interferir com a transmissão da malária. Propomo-nos a identificar e validar novas moléculas que possam ser alvo de quimioterapia abordando, especificamente, os mecanismos moleculares de proteínas de choque térmico responsáveis pela regulação da motilidade do Plasmodium. Além disto, este projeto também tem como objetivo a avaliação da eficácia e da capacidade de induzir proteção estéril a longo prazo de uma vacina experimental contra P. vivax. Dentro desta proposta, pretendemos gerar parasitas transgênicos e desenvolver um modelo murino de infecção para testar sistematicamente diferentes estratégias de imunização contra P. vivax. O objetivo final deste projeto é estabelecer o ciclo de vida do Plasmodium em roedores e implementar estudos de genética experimental no Brasil, ferramentas fundamentais para o desenvolvimento e teste de novas estratégias baseadas em evidências para o controle da malária. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SIDEN-KIAMOS, INGA; GOOSMANN, CHRISTIAN; BUSCAGLIA, CARLOS A.; BRINKMANN, VOLKER; MATUSCHEWSKI, KAI; MONTAGNA, GEORGINA N. Polarization of MTIP is a signature of gliding locomotion in Plasmodium ookinetes and sporozoites. Molecular and Biochemical Parasitology, v. 235, JAN 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.