Busca avançada
Ano de início
Entree

Ensaio clínico controlado do uso da terapia fotodinâmica no tratamento da halitose em adolescentes

Processo: 13/13032-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2014 - 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Engenharia Médica
Pesquisador responsável:Sandra Kalil Bussadori
Beneficiário:Sandra Kalil Bussadori
Instituição-sede: Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Campus Vergueiro. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Halitose  Terapia fotodinâmica  Terapia a laser de baixa intensidade  Adolescentes 

Resumo

A Halitose, também conhecida como mau hálito, é um termo utilizado para definir o odor desagradável e fétido que emana da boca, podendo apresentar origem local ou sistêmica. É considerado um problema comum que afeta grande parte da população mundial. O mau hálito é provocado principalmente por compostos sulforados voláteis, produzido pela ação de bactérias Gram-negativas anaeróbias sobre substratos encontrados na boca, contendo enxofre. A luz acompanhada ou não de agentes químicos tem sido usada para induzir efeitos terapêuticos e antimicrobianos, na terapia fotodinâmica o efeito antimicrobiano fica confinado apenas às áreas cobertas pelo corante e irradiadas pela luz. O objetivo deste estudo é avaliar o efeito antimicrobiano da terapia fotodinâmica no nível de halitose em adolescentes de 14 a 18 anos. Por meio de estudo clínico controlado, quantitativo e de cunho transversal, 130 adolescentes serão avaliados e divididos aleatoriamente em três grupos que receberão tratamentos distintos: grupo 1 tratamento com limpador de língua, grupo 2 e 3 terapia fotodinâmica aplicada na região de dorso e terço médio da língua e grupo 4 e 5 tratamento combinado de limpador de língua e terapia fotodinâmica. O diagnóstico de halitose será por meio de cromatografia gasosa (Oral ChromaTM) a ser realizada no mesmo dia do inicio do tratamento. pós tratamento serão realizadas três halimetrias: uma hora, 24 horas e uma semana pós inicio do tratamento. Serão empregados os testes Qui-quadrado e Teste Exato de Fisher, para comparação das médias será utilizado test t-Student e Análise de variância (ANOVA) e para análise da correlação entre as variáveis contínuas será aplicado o teste de correlação de Pearson. Para todas as análises será considerado um nível de significância de 95% (p<0,05). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COSTA DA MOTA, ANA CAROLINA; FRANCA, CRISTIANE MIRANDA; PRATES, RENATO; DEANA, ALESSANDRO MELO; SANTOS, LARISSA COSTA; GARCIA, RUBIA LOPES; LEAL GONCALVES, MARCELA LETICIA; MESQUITA-FERRARI, RAQUEL AGNELLI; SANTOS FERNANDES, KRISTIANNE PORTA; BUSSADORI, SANDRA KALIL. Effect of photodynamic therapy for the treatment of halitosis in adolescents - a controlled, microbiological, clinical trial. Journal of Biophotonics, v. 9, n. 11-12, SI, p. 1337-1343, DEC 2016. Citações Web of Science: 9.
LOPES, RUBIA GARCIA; LEAL DE GODOY, CAMILA HADDAD; DEANA, ALESSANDRO MELO; SIMOES ONOFRE DE SANTI, MARIA EUGENIA; PRATES, RENATO ARAUJO; FRANCA, CRISTIANE MIRANDA; SANTOS FERNANDES, KRISTIANNE PORTA; MESQUITA-FERRARI, RAQUEL AGNELLI; BUSSADORI, SANDRA KALIL. Photodynamic therapy as a novel treatment for halitosis in adolescents: study protocol for a randomized controlled trial. Trials, v. 15, NOV 14 2014. Citações Web of Science: 13.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.