Busca avançada
Ano de início
Entree

Senilidade e alcoolismo: microRNAs e expressões gênicas na apoptose no cerebelo de ratos UChB (consumidores voluntários de etanol)

Processo: 13/13604-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2014 - 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Marcelo Martinez
Beneficiário:Marcelo Martinez
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Pesq. associados:Francisco Eduardo Martinez
Assunto(s):Envelhecimento  Alcoolismo  Apoptose  Cerebelo  Expressão gênica  MicroRNAs 

Resumo

Apesar de uma ausência substancial e abrangente de dados científicos impedindo uma avaliação do impacto real de beber em indivíduos idosos, o uso abusivo e nocivo de álcool aparece como uma característica comum das pessoas mais velhas. Indivíduos idosos são particularmente suscetíveis aos efeitos nocivos do consumo de álcool, por causa de alterações biológicasassociada com o envelhecimento como a redução de água no corpo, a eficiência das enzimas hepáticas e o fluxo sanguíneo hepático, a capacidade de resposta do cérebro, etc, reforçada pela interação com medicamentos. Os efeitos adversos da exposição aguda ou crônica ao etanol sobre as funções do cerebelo têm sido reconhecidos há décadas, com comprometimento dos movimentos e equilíbrio. Além da deterioração motora, a degeneração cerebelar contribui para os défices neuropsicológicos distintos em alcoólicos crônicos, bem como em crianças com exposição pré-natal ao etanol. Entretanto, os efeitos nos indivíduos senis são escassos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)