Busca avançada
Ano de início
Entree

Consolidação do centro integrado de biociências: aquisição de um citômetro de fluxo e espectrômetro Raman confocal dispersivo

Processo: 13/50618-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2014 - 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Convênio/Acordo: FINEP - CT - Infra
Pesquisador responsável:Antonio Claudio Tedesco
Beneficiário:Antonio Claudio Tedesco
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Toxicologia  Nanotecnologia  Espectroscopia Raman  Citometria de fluxo 

Resumo

A espectroscopia Raman, bem como a microscopia, tem se revelado uma excelente ferramenta analítica na área química, farmacêutica, biológica e de ciências de materiais, atuando como suporte no desenvolvimento e identificação de compostos, bem como no estudo da ultraestrutura em sistemas biológicos. Estes equipamentos acoplados que permitem uma visão mais profunda dos sistemas celulares, (normais ou patológicos), via citometria de fluxo, microscopia confocal multiarry, sorting de populações especificas de linhagens celulares, para estudos genômicos e proteômicos específicos, fazem o futuro da medicina translacional, que permite o isolamento das células com a patologia, com altíssima especificidade por microscopia conjugadas (Confocal, Raman, SEM, TEM) detecta organelas alvo especificas, permite que não só que teste genômicos e proteômicos sejam feitos mas que os novos medicamentos sejam desenhados para esta finalidade, pois hoje temos várias as nanotecnologias a serviço da pesquisa e da saúde. A espectroscopia (Raman) acoplada à microscopia permitirá a obtenção de espectros e imagens seletivas (em frequência), permitindo o mapeamento de uma superfície e em profundidade, de sistemas biológicos/ bioquímicos, de nano fármacos e suas regiões de interação celular, de compósitos e micro elementos, que estão desequilibrando o sistema biológico, identificação de componentes em uma mistura, estudo de separação de fase, mapeando regiões mais hidrofílicas ou hidrofóbicas, responsáveis pela interação dos fármacos com o alvo biológico, identificação de minerais, amostras forense e fluídos corpóreos, análise de solo e micronutrientes em desequilíbrio que podem levar a patologias, identificação estrutural em sólidos cristalinos presentes como ativos nos fármacos desenvolvidos, entre outros. No caso específico de aplicações em sistemas biológicos dentre os vários estudos a partir da utilização de Raman confocal podemos citar: análise de DNA; interação entre medicamentos/célula; diagnóstico e prognóstico de câncer, numa das novas abordagens dentro das ciências Farmacêuticas a produção de medicamentos Teranóticas (Usados para diagnósticos e tratamento ao mesmo tempo); lipídeos, proteínas e aminoácidos; combinação entre Raman & Fluorescência (Confocal). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.