Busca avançada
Ano de início
Entree

Morfogênese da bacia do Rio das Cinzas (PR): estudo das formas de relevo, sedimentação e neotectônica

Resumo

A relação entre a evolução do relevo, a sedimentação e a atuação tectônica, tanto em domínios de bordas de placas tectônicas como em domínios intraplaca, adquire cada vez mais relevância junto a pesquisadores especializados em estudos do Cenozóico. No caso da bacia do rio das Cinzas, tais estudos integrados que considerem a relação entre morfogênese, sedimentação e neotectônica inexistem. Desta forma, este projeto propõe investigar a morfogênese da bacia do rio das Cinzas, a partir do estudo integrado multidisciplinar das formas de relevo, da sedimentação, de antigos processos de intemperismo e da neotectônica. Para tal objetivo, serão utilizados métodos e técnicas de abordagem geológica, geomorfológica, pedológica, com ênfase nas formas de relevo, nos depósitos sedimentares cenozóicos, nos paleossolos/solos enterrados e nas feições neotectônicas, incluindo o uso de técnicas de datação C14 e LOE. Com esta pesquisa espera-se obter um conjunto de dados e resultados que trará a possibilidade de identificar os principais processos morfogenéticos ocorridos na área e avançar no entendimento da relação destes com a neotectônica e a sedimentação cenozóica. Além disso, as datações irão fornecer informações acerca da ordem cronológica de deposição na área nos últimos milhares de anos. Pretende-se ainda fornecer dados que ajudem a esclarecer se os depósitos aluviais em terraços e os processos de meandramento são oriundos de oscilações climáticas, ou, se há influência de atuação neotectônica. Com a integração dos dados da pesquisa, será feita uma proposta de sistematização dos eventos datados para contribuir com a cronologia do Quaternário no continente sul-americano bem como com o quadro neotectônico no contexto intraplaca. (AU)