Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de formulações dermocosméticas multifuncionais: avaliação das propriedades físicas e da eficácia clínica

Resumo

Além da função biológica e protetora, a pele saudável e com um aspecto jovem é um fator essencial para o bem-estar e para um bom convívio social, sendo essa, alvo da aplicação de produtos cosméticos e tratamentos dermatológicos. A caracterização do tipo de pele tem um alto impacto na seleção de matérias-primas adequadas para o desenvolvimento da formulação e escolha do tratamento correto, pois, somente com o uso de produtos compatíveis com a biologia da pele, é possível obter o efeito esperado e evitar eventuais efeitos indesejáveis. Considerando os múltiplos alvos de atuação de um dermocosmético, os produtos multifuncionais tem ganhado cada vez mais destaque, uma vez que aliam a praticidade, aos benefícios múltiplos propostos. Nos últimos anos foram lançados produtos com atividade protetora, hidratante, clareadora e antiaging os quais tem conquistado cada vez mais o consumidor ávido por inovações e por produtos diferenciados. Portanto, é relevante o desenvolvimento de formulações dermocosméticas multifuncionais adequadas e direcionadas à finalidade de uso proposta, que atendam aos anseios do consumidor, principalmente para a pele Brasileira, submetida a fatores externos como alto índice UV, e que possui alta prevalência do tipo de pele mista e/ou oleosa, com características específicas, as quais foram ainda muito pouco estudadas. Nesse contexto, o desenvolvimento de formulações biocompatíveis acrescidas da associação de substâncias ativas tais como extratos naturais e vitaminas like visando a obtenção de produtos multifuncionais eficazes para a manutenção e restauração da integridade da pele é imprescindível na área cosmético - dermatológica. Dentre as substâncias utilizadas para tal finalidade, destacam-se o extrato seco de Spirulina obtida por processo biotecnológico, o extrato da raiz de chicória, extrato de alfafa e o extrato de alga vermelha que apresentam potencial de atuar na renovação celular, na hidratação, na proteção da função barreira da pele, no microrrelevo cutâneo, bem como no controle da hiperpigmentação e da oleosidade da pele. Assim, o objetivo do presente trabalho é desenvolver formulações dermocosméticas multifuncionais, com base nas características estruturais e biofísicas da pele, e avaliar as propriedades físico-mecânicas dessas formulações, bem como estudar a eficácia clínica por meio de técnicas avançadas de biofísica e análise de imagem da pele. Para tal, serão elaboradas formulações a base de matérias primas compatíveis com a pele e substâncias ativas inovadoras para a obtenção de formulações multifuncionais, as quais serão submetidas a testes de segurança in vitro, estabilidade, determinação das propriedades físico mecânicas e eficácia clínica. A proposta do trabalho apresenta como diferencial a aplicação da análise das propriedades físico- mecânicas na avaliação da estabilidade e sensorial das formulações. Além disso, técnicas avançadas de análise de imagem serão utilizadas para a caracterização da pele possibilitando o desenvolvimento de formulações eficazes de acordo com as necessidades da pele brasileira. Por fim, desenvolver formulações com características sensoriais adequadas, com o balanço adequado de matérias-primas, considerando os diferentes tipos de pele, e que proporcionem segurança, estabilidade, eficácia clínica e bem estar durante a aplicação tem sido um grande desafio para os pesquisadores da área cosmética e uma forte demanda. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Universidades paulistas lideram pesquisa em cosméticos no mundo  
Two universities in São Paulo State are among global leaders of cosmetics research 
Universidades del estado de São Paulo lideran la investigación en cosméticos 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MAIA CAMPOS, PATRICIA M. B. G.; BENEVENUTO, CAROLINA G.; CALIXTO, LIVIA S.; MELO, MAISA O.; PEREIRA, KARINA C.; GASPAR, LORENA R. Spirulina, Palmaria Palmata, Cichorium Intybus, and Medicago Sativa extracts in cosmetic formulations: an integrated approach of in vitro toxicity and in vivo acceptability studies. CUTANEOUS AND OCULAR TOXICOLOGY, v. 38, n. 4 JULY 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.