Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial de utilização agroindustrial do cambuci - Campomanesia phaea (O. Berg.) Landrum

Processo: 14/07338-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2014 - 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Florestais e Engenharia Florestal - Tecnologia e Utilização de Produtos Florestais
Pesquisador responsável:Marta Helena Fillet Spoto
Beneficiário:Marta Helena Fillet Spoto
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Pesq. associados:Marcia Ortiz Mayo Marques ; Roselaine Facanali
Assunto(s):Compostos voláteis  Análise quantitativa  Frutas  Cambuci (fruta)  Cromatografia a gás  Sustentabilidade 

Resumo

São cada vez mais intensos no Brasil os esforços para identificar, selecionar e aproveitar os produtos vegetais provenientes da rica flora nativa do país, tais como polpas de frutas, óleos essenciais, extratos, resinas e outros, com grande potencial de aplicação dos seus princípios ativos, muitas vezes, desconhecidos da ciência e utilizados de forma ineficiente e, ainda, sem observar os modernos conceitos de produção sustentável. Tais ativos podem apresentar importantes propriedades nutricionais, medicinais, farmacológicas, cosméticas, entre outras, oferecendo alternativas saudáveis à alimentação e ao bem estar humano, trazendo também, impactos sociais, ambientais e econômicos altamente positivos, que podem influenciar positivamente uma cadeia de negócios ainda pouco explorada no Brasil, mas com grande potencial de crescimento. Por outro lado, a pesquisa e o desenvolvimento desses produtos vegetais tipicamente brasileiros, especialmente as frutas indígenas, podem agregar valores bastante significativos aos derivados comerciais industrializados. As pesquisas aprofundadas sobre essas espécies frutíferas ainda são incipientes e, por isso, consideradas bastante oportunas. O projeto proposto contempla o mapeamento e o estudo da cadeia produtiva de uma espécie vegetal que ocorre de forma típica e restrita nos domínios da Mata Atlântica: a Campomanesia phaea (cambuci). Pretende também caracterizar a polpa dos frutos quanto aos seus aspectos físico, químicos, nutricionais, microbiológicos, compostos voláteis e sensoriais, quando submetida a diferentes tipos de processamentos agroindustriais. Assim, o trabalho proposto se reveste de maior importância, à medida que pode contribuir para a aplicação dessa emblemática fruta brasileira, na indústria de alimentos, bebidas e fármaco-cosméticos. (AU)