Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da anestesia local odontológica com adrenalina em portadores de canalopatias cardíacas

Resumo

Distúrbios dos canais iônicos potencialmente letais, como na síndrome de Brugada, síndrome do QT longo, taquicardia ventricular polimórfica catecolaminérgica e taquicardia ventricular polimórfica deflagrada por extrassístole ventricular com intervalo de acoplamento ultra-curto, podem ser responsáveis por pelo menos um terço do total de casos de morte súbita que permanecem inexplicados (30%), já que anormalidades estruturais cardiovasculares correspondem à maioria deles (70%). O diagnóstico é baseado em história clínica, exames complementares e testes genéticos. O atendimento odontológico de rotina em pacientes portadores de canalopatias e arritmias ventriculares é controverso devido à falta de informações na literatura em relação ao uso adequado da dose e do tipo de anestésico local recomendado. Objetivos: Investigar a ocorrência de arritmias cardíacas em portadores de canalopatias após anestesia local odontológica com dois cartuchos (3,6 mL) de lidocaína 2% sem vasoconstritor e lidocaína associada à adrenalina 1:100.000 prévia ao tratamento odontológico restaurador. Métodos: Trinta a 50 pacientes com diagnóstico de canalopatia serão submetidos a tratamento odontológico restaurador em duas sessões, realizadas com intervalo mínimo de sete dias (wash-out) entre ambas, sendo o paciente seu próprio controle. Na primeira sessão, por randomização, o paciente receberá uma das soluções anestésicas: lidocaína 2% sem vasoconstritor (LSA) ou de lidocaína 2% com adrenalina 1:100.000 (LCA) (cross-over), originando dois grupos: LSAàLCA e LCAàLSA. A randomização da solução anestésica será realizada pelo pesquisador responsável, sendo cega para o pesquisador executante e para o paciente, estando este sob monitorização eletrocardiográfica ambulatorial (Holter) por 28 horas, contadas a partir de uma hora antes do procedimento, nas duas sessões do estudo. Para registro pontual de alterações de pressão arterial será utilizado esfigmomanômetro digital e será aplicada a escala de mensuração da ansiedade, ambos em três momentos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GUIMARAES OLIVEIRA, ANA CAROLINA; ITAGIBA NEVES, ITAMARA LUCIA; SACILOTTO, LUCIANA; SANGIORGI OLIVETTI, NATALIA QUINTELLA; DOS SANTOS-PAUL, MARCELA ALVES; PEDROSO MONTANO, TANIA CRISTINA; ALENCAR CARVALHO, CINTIA MARIA; WU, TAN CHEN; GRUPI, CESAR JOSE; BARBOSA, SILVIO ALVES; PASTORE, CARLOS ALBERTO; SAMESIMA, NELSON; HACHUL, DENISE TESSARIOL; SCANAVACCA, MAURICIO IBRAHIM; NEVES, RICARDO SIMOES; COSTA DARRIEUX, FRANCISCO CARLOS. Is It Safe for Patients With Cardiac Channelopathies to Undergo Routine Dental Care? Experience From a Single-Center Study. JOURNAL OF THE AMERICAN HEART ASSOCIATION, v. 8, n. 15 AUG 6 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.