Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial de biorremediação de leveduras isoladas de compostagem

Resumo

A influência de compostos xenobióticos no ambiente e nos organismos vivos tem sido relatada como um problema de saúde pública iminente. Entre eles podemos citar a contaminação por alcanos presentes no petróleo, hidrocarbonetos e substâncias que são contaminantes orgânicos de efluentes industriais. Além disso, os metais pesados são de interesse particular devido à sua persistência no meio ambiente contaminando as cadeias alimentares. Entre as soluções inovadoras para o tratamento de água e de solo contaminado podemos apontar o uso de materiais biológicos, como microorganismos vivos ou mortos. As leveduras apresentam capacidade de se adaptar a condições extremas, tais como temperatura, pH e níveis de contaminantes orgânicos e inorgânicos que fazem delas um material potencial para ser usado com o objetivo de remediar ambientes contaminados. O objetivo deste trabalho foi procurar leveduras dentro de uma coleção de 90 isolados obtidos a partir do sistema de compostagem do Zoológico de São Paulo que fossem capazes de usar n-hexadecano (hidrocarboneto alcano) como fonte primária de carbono e ainda, aquelas capazes de tolerar alta concentração de chumbo (Pb). As estirpes isoladas de leveduras foram identifica das por espectrometria de massa (MALDI-TOF-MS) e por sequenciamento das regiões conservadas do DNA ribossomal (18S e D1/D2). Observou-se que dentro da coleção se tem 23 isolados capazes de utilizar n-hexadecano e apenas uma capaz de tolerar a elevada concentração de chumbo (Pb) com um elevado índice de biossorção em comparação com as cepas de levedura de referência (8Y4742, PE-2, CAT-1 e 8G-1). Esses resultados confirmam a hipótese inicial de que o Zoológico de São Paulo está compondo a fonte de diversas espécies de leveduras com potencial de aplicação biotecnológica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)