Busca avançada
Ano de início
Entree

Filogeografia, genômica populacional e variação adaptativa do complexo Pitcairnia lanuginosa (Bromeliaceae)

Processo: 14/15588-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 31 de maio de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Vegetal
Pesquisador responsável:Clarisse Palma da Silva
Beneficiário:Clarisse Palma da Silva
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Pesq. associados: Andreia Carina Turchetto Zolet ; Milene Ferro
Bolsa(s) vinculada(s):16/04293-0 - Filogeografia, genômica populacional e variação adaptativa do complexo Pitcairnia lanuginosa (Bromeliaceae), BP.TT
Assunto(s):Filogeografia  Sequenciamento de nova geração  Ecologia molecular  Bromeliaceae  Adaptação biológica 

Resumo

O entendimento acerca dos processos envolvidos na diversificação de linhagens e no surgimento de novas espécies é particularmente importante nas regiões consideradas hotspots de biodiversidade. Técnicas de Genotyping-by-Sequencing (GBS), como a de sequenciamento massivo de fragmentos associadas a sítios de restrição (RAD-Seq), têm se mostrado promissoras nos estudos de tais processos, inclusive naqueles envolvendo organismos não-modelo. Neste trabalho, utilizaremos o complexo Pitcairnia lanuginosa (Bromeliaceae), que tem distribuição ampla na região tropical da América do Sul, como modelo para estudar os padrões e processos que governam a diversidade nos Neotrópicos. Para isso, empregaremos uma grande quantidade de marcadores SNPs isolados por RAD-Seq, além de marcadores nucleares e plastidiais e modelagem de nicho ecológico (ENMs), para verificar o papel dos processos demográficos históricos sobre a variação genética neutra e adaptativa e para testar a delimitação entre as espécies do grupo, em uma abordagem filogeográfica. Na tentativa de agregar conhecimento biológico importante para interpretar os padrões de diversificação, também serão levantadas informações sobre a variação morfológica e sobre a biologia reprodutiva, que ainda são desconhecidas para espécies do complexo. Os resultados acerca da divergência entre as linhagens desse complexo que ocupam os Yungas, na porção central dos Andes, e o Cerrado brasileiro poderão fornecer novas informações sobre padrões e processos que governam a enorme biodiversidade do continente sul-americano. Este estudo auxiliará, ainda, no entendimento acerca das respostas demográficas de populações de plantas herbáceas adaptadas a seca durante as oscilações climáticas do Quaternário. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.