Busca avançada
Ano de início
Entree

Resistência de células de carcinoma epidermóide bucal à terapia fotodinâmica mediada pelo ácido 5-aminolevulínico

Processo: 14/10380-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Luciana Corrêa
Beneficiário:Luciana Corrêa
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Patologia bucal  Neoplasias bucais  Carcinoma de células escamosas  Terapia fotodinâmica  Resistência a múltiplos medicamentos 

Resumo

O carcinoma epidermóide bucal (CEC) constitui uma neoplasia maligna de alta morbidade, com alto índice de recidiva e de resistência aos tratamentos convencionais. A terapia fotodinâmica (PDT) tem sido utilizada em casos iniciais de CEC, com índices promissores de remissão completa do tumor. Não se sabe, contudo, se as células de CEC podem desenvolver resistência à PDT, principalmente nas situações em que essa terapia é utilizada durante vários ciclos, com administração de doses subletais. O objetivo deste trabalho é verificar se células de CEC lingual humano desenvolvem resistência à PDT mediada pelo ácido 5-aminolevulínico (5-ALA), bem como se mecanismos de antiapoptose, de inibição do ciclo celular e controle da autofagia participam desse processo. Também será objetivo verificar se esses fenômenos estão presentes em lesões de CEC bucal induzidas em ratos e tratadas com PDT. Células SCC9 serão submetidas a ciclos repetidos com doses crescentes de PDT mediada pelo 5-ALA, até exibirem aumento de viabilidade em relação àquela observada nas doses iniciais. Será realizada quantificação do índice de apoptose e de proteínas ligadas a mecanismos de antiapoptose (iNOS, NFkB, Mcl-1, bcl-2 e survivina), de modulação do ciclo celular (IKK, Akt e ciclina D1) e de inibição da autofagia (mTOR). Será realizada também administração de celecoxibe nos clones celulares resistentes, com o intuito de verificar se essa droga promove a inibição das proteínas citadas e, consequentemente, incrementa a eficácia da PDT. Lesões de CEC bucal serão induzidas em ratos a partir da administração de 4-NQO na água de beber. As lesões serão tratadas com um ciclo de PDT mediada pelo 5-ALA. Testes imuno-histoquímicos das proteínas citadas serão realizados, analisando-se a expressão protéica nas células neoplásicas que resistiram a PDT. Espera-se elucidar se é possível induzir a formação de células de CEC resistentes à PDT, bem como se o celecoxibe exerce efeito sinérgico sobre essa terapia, aumentando sua eficácia nessas situações. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROSIN, FLAVIA CRISTINA P.; TEIXEIRA, MARINA GABRIELA; PELISSARI, CIBELE; CORREA, LUCIANA. Resistance of oral cancer cells to 5-ALA-mediated photodynamic therapy. Journal of Cellular Biochemistry, v. 119, n. 4, p. 3554-3562, APR 2018. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.