Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise comparativa da expressão de citoqueratinas, moléculas de adesão celular e padrão proliferativo em tumores odontogênicos benignos e malignos

Resumo

Os tumores odontogênicos (TO) são um grupo heterogêneo de lesões derivadas dos tecidos dentários, que ocorrem nos ossos gnáticos e tecidos adjacentes. Devido a sua raridade e variabilidade clinicopatológica, o diagnóstico desses tumores se torna um grande desafio inclusive para patologistas experientes, o que contribui para o menor entendimento dos fatores biológicos que influenciam o comportamento clínico dessas lesões. Dessa forma, a caracterização do padrão de expressão de moléculas estruturais como as citoqueratinas e de proliferação celular, assim como a identificação de fatores envolvidos no processo de angiogênese e adesão celular poderiam auxiliar no diagnóstico dessas neoplasias e favorecer uma melhor determinação prognóstica para os pacientes afetados. No presente estudo, através do uso da técnica de imunoistoquímica e com o auxílio de softwares e algoritmos para análises digitais do sistema Aperio, objetiva-se caracterizar e comparar o perfil de expressão das citoqueratinas 5/6, 7, 14 e 19 em 77 casos de tumores odontogênicos benignos e malignos, assim como a expressão das moléculas de adesão celular CD138, E-caderina e ²-catenina, avaliando também o padrão proliferativo desses tumores com os marcadores Ki-67 e Mcm-2 e angiogênico com os marcadores CD34, CD105 e fator de crescimento endotelial vascular VEGF-A, com o objetivo de destacar a importância destas variáveis biológicas para o diagnóstico e determinação prognóstica desse grupo de lesões. (AU)