Busca avançada
Ano de início
Entree

Human papillomavirus infection in oral fluids of HIV-1-positive men:prevalence and risk factors

Processo: 14/22814-2
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Jorge Simão do Rosário Casseb
Beneficiário:Jorge Simão do Rosário Casseb
Instituição Sede: Instituto de Medicina Tropical de São Paulo (IMT). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Infecções por Papillomavirus  Brasil  Infectologia  HIV 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Brazil | Hiv | hpv | Oral fluid | Infectologia

Resumo

O Papilomavírus Humano é uma das doenças sexualmente transmissíveis mais comuns no mundo. A história natural da infecção oral pelo HPV não é bem esclarecida e seus fatores de risco não são bem explorados. Indivíduos imunocomprometidos, como pacientes infectados pelo HIV, apresentam maior risco para aquisição de doenças associadas ao HPV.Objetivo: determinar a prevalência do HPV no fluído oral de homens infectados pelo HIV e sua relação com os fatores de risco. Material e Métodos: Um total de 283 amostras de lavado oral foram analisadas. Todas as amostras passaram por processos de lavagem, extração de DNA, amplificação do DNA por PCR convencional (MY09/11), eletroforese em gel de agarose e as amostras positivas para HPV DNA foram submetidas à genotipagem do HPV por meio de hibridação. Resultados: A genotipagem do HPV identificou a presença do HPV DNA em 10 amostras (3,5%). O tipo mais prevalente no grupo de alto risco foi HPV-66 e no grupo de baixo risco HPV-6 e 83. Discussão: Aprevalência dp HPV oral é altamente variável em decorrência de fatores como método de coleta e análises das amostras. Apesar de dados sobre a infecção pelo HPV em homens serem escassos, estudos mostram que grande parte dos homens brasileiros são infectados pelo vírus. O fator de risco principal é a exposição sexual de risco, porém, outros fatores são considerados como possíveis para aquisição do HPV como o tabagismo, consumo excessivo de álcool e a infecção pelo HIV. Conclusão: Nesse trabalho, o tabagismo foi o único fator considerado significativo [OR (CI) = 1,53 (2,83 - 5,26), p>0,001] para a aquisição do HPV oral em homens infectados pelo HIV em São Paulo, Brazil. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)