Busca avançada
Ano de início
Entree

Astrometria na vizinhança solar, preparação e exploração de missões espaciais

Processo: 14/13407-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astronomia de Posição e Mecânica Celeste
Pesquisador responsável:Ramachrisna Teixeira
Beneficiário:Ramachrisna Teixeira
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Alberto Garcez de Oliveira Krone Martins ; Christine Ducourant ; Laurent Loinard ; Ronaldo Eustaquio de Souza ; Sandra dos Anjos ; Sergio Scarano Junior ; Sylvio Ferraz de Mello ; Tatiana Alexandrovna Michtchenko
Assunto(s):Exploração espacial  Exoplanetas  Anã marrom 

Resumo

Os trabalhos enfocados nesse projeto representam ao mesmo tempo uma continuação e uma ampliação daquilo que o grupo de pesquisadores envolvidos vem realizando há algum tempo. Inclui-se aqui, além dos trabalhos científicos, as colaborações e experiências em possíveis novas direções impostas pela realidade atual da quantidade e qualidade de dados observacionais e da própria ciência. Nossas atividades no contexto desse projeto estão e estarão voltadas principalmente para a determinação de parâmetros astrométricos de alvos de interesse científico particular, para a exploração desses dados associados ou não a outros oriundos da literatura e de observações fotométricas e espectroscópicas, para a participação no desenvolvimento e na exploração de dados de missões espaciais como Gaia e NEAT. Os objetos astronômicos que constituem o foco de nossos trabalhos se resumem basicamente em: 1 - Anãs marrons ultrafrias, incluindo algumas fora do alcance do satélite Gaia. Esses objetos são peças fundamentais no estudo da formação estelar e planetária e suas caracterizações físicas são extremamente dependentes de dados astrométricos de boa qualidade. 2 - Estrelas jovens de baixa massa em geral e sobretudo aquelas encontradas em regiões de formação estelar, e também as próprias regiões como um todo são igualmente focos de nosso trabalho pela importância que têm no estudo da formação estelar e no censo da vizinhança solar. 3 - Planetas extra-solares tanto do ponto de vista de suas características físicas quanto das características dinâmicas do sistema como um todo, incluindo um refinamento e/ou ampliação do conceito de zona habitável levando em conta a estabilidade do movimento planetário. 4 - Objetos extensos, sobretudo galáxias, a serem observados pelo satélite Gaia são também alvos das nossas pesquisas. Nosso trabalho com esses objetos, que seriam rejeitados do ponto de vista da solução Gaia, já mostrou que é possível ampliar os horizontes dessa missão espacial e fazer ciência com esses objetos. Pretendemos também, nesse mesmo contexto, incluir as nebulosas planetárias. 5- Estrelas do tipo solar potencialmente alvos da missão espacial NEAT. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CANTAT-GAUDIN, T.; KRONE-MARTINS, A.; SEDAGHAT, N.; FARAHI, A.; DE SOUZA, R. S.; SKALIDIS, R.; MALZ, I, A.; MACEDO, S.; MOEWS, B.; JORDI, C.; MOITINHO, A.; CASTRO-GINARD, A.; ISHIDA, E. E. O.; HENEKA, C.; BOUCAUD, A.; TRINDADE, A. M. M.; COLLABORATION, COIN. Gaia DR2 unravels incompleteness of nearby cluster population: new open clusters in the direction of Perseus. Astronomy & Astrophysics, v. 624, APR 24 2019. Citações Web of Science: 9.
FOLONIER, H. A.; FERRAZ-MELLO, S.; ANDRADE-INES, E. Tidal synchronization of close-in satellites and exoplanets. III. Tidal dissipation revisited and application to Enceladus. CELESTIAL MECHANICS & DYNAMICAL ASTRONOMY, v. 130, n. 12 DEC 2018. Citações Web of Science: 1.
MICHTCHENKO, T. A.; LAZZARO, D.; CARVANO, J. M. On the current distribution of main belt objects: Constraints for evolutionary models. Astronomy & Astrophysics, v. 588, APR 2016. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.