Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de excesso e deficiência da L-metionina em dietas para frangos de corte por meio da técnica dos isótopos estáveis marcados no carbono

Processo: 14/21099-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2015 - 31 de janeiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Vladimir Eliodoro Costa
Beneficiário:Vladimir Eliodoro Costa
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados:Antonio Celso Pezzato ; José Albertino Bendassolli ; José Roberto Sartori ; Juliana Célia Denadai ; Maria Márcia Pereira Sartori ; Vladimir Eliodoro Costa
Bolsa(s) vinculada(s):15/03537-0 - Treinamento e aperfeiçoamento de aluno de graduação, em pesquisa que envolve a técnica de isótopos estáveis na criação de frangos de corte, BP.TT
Assunto(s):Aves  Necessidades nutricionais  Diluição isotópica  Traçadores isotópicos  Aminoácidos  Metionina 

Resumo

É notória a relevada importância da adequação nos níveis de aminoácidos essenciais nas dietas para as aves, particularmente em metionina, e a grande aplicabilidade da técnica dos isótopos estáveis nos estudos biológicos. Nesse contexto, o presente trabalho terá como objetivo utilizar a técnica dos isótopos estáveis para avaliar o processo de taxa de incorporação e balanço de massa do 13C, proveniente de L-metionina, nos tecidos de frangos de corte em distintos períodos de crescimento, considerando condições de excesso e deficiência da mesma nas dietas. Serão alojados 1000 pintos de corte machos da linhagem Cobb e após seleção por peso distribuídas 351 aves em cada um dos três grupos (G): G1 - dieta com níveis recomendados em metionina (MET), G2 - dieta com deficiência de 30% da recomendação em MET, e G3 - dieta com excesso de 30% da recomendação em MET. Cada grupo será avaliado nos períodos de 1 a 14, 15 a 28, 29 a 42 dias de idade. As aves serão submetidas à administração via oral de solução contendo L-[13C1]metionina (99 atm % 13C), na dosagem de 29 µmol/kg peso vivo/h, durante 6 h, em cada grupo e período estudado. Nos tempos 0 h (controle); 1; 3; 5; 7; 9; 12; 16; 20; 24; 48; 72; 96 h após a primeira administração de solução enriquecida, serão abatidas 3 aves por tempo para cada grupo e período avaliado, para amostragem dos tecidos utilizados nas análises isotópicas em espectrômetro de massa. Serão coletadas amostras de mucosa duodenal, plasma sanguíneo, fígado, peito, penas, gordura abdominal e excretas. Os dados obtidos pela análise isotópica, serão avaliados utilizando-se o software estatístico Minitab 16. (AU)