Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de multiplexador STM-1 para a rede óptica de acesso

Processo: 98/14805-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de junho de 1999 - 31 de julho de 2002
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Telecomunicações
Pesquisador responsável:Rege Romeu Scarabucci
Beneficiário:Rege Romeu Scarabucci
Empresa:Asga S/A
Município: Paulínia
Assunto(s):Redes ópticas 

Resumo

O objetivo desta proposta é realizar um estudo de viabilidade para o desenvolvimento de um multiplexador STM-1 com capacidade de transportar até 63 tributários E1 de taxa 2048 kb/s para acesso óptico de grandes usuários à rede pública de telecomunicações. A tecnologia a ser usada é da Rede Síncrona, desenvolvida nos últimos anos e padronizada na União Internacional de Telecomunicações (ITU) como Hierarquia Digital Síncrona (SDH - Synchronous Digital Hierarch). Os multiplexadores da Rede Síncrona são os melhores transportadores de sinais de comunicação conhecidos. Eles foram desenvolvidos para transportar desde sinais digitais de baixas taxas em seus contêineres de pequeno porte até sinais de dados de altíssimas taxas, usados, por exemplo, em supercomputadores. O processo abrangente de supervisão adotado na Rede Síncrona, com informações disponíveis sobre status da comunicação, falhas e desempenho - além de permitir gerência de forma centralizada -, está transformando profundamente a qualidade das redes públicas de comunicação. O estudo de viabilidade de desenvolvimento do primeiro equipamento multiplex SDH brasileiro consistirá das seguintes atividades: estudo de desempenho de chipset lançado recentemente no mercado mundial; projeto sistêmico para dois tipos de multiplexadores, um MUX Terminal e um MUX ADM (Add-Drop Multiplex); e planejamento das etapas do projeto de desenvolvimento/industrialização (fase 2 do projeto), visando a uma estimativa detalhada de tempos e custos envolvidos. (AU)