Busca avançada
Ano de início
Entree

Gangliosídios específicos de mastócitos como moduladores do processo de liberação de mediadores

Processo: 14/17671-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2015 - 30 de abril de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Maria Célia Jamur
Beneficiário:Maria Célia Jamur
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Pesq. associados:Constance Oliver
Assunto(s):Gangliosídeos  Mastócitos  Microdomínios da membrana  Fatores de transcrição  Transdução de sinais 

Resumo

Os mastócitos são células multifuncionais do sistema imunológico que participam das imunidades inata e adquirida e atuam em diferentes eventos biológicos tais como: defesa do organismo, angiogênese e reações inflamatórias e alérgicas. Estes fenômenos estão diretamente relacionados com a ativação e liberação pelos mastócitos de diversos mediadores químicos. A ativação ocorre, geralmente, pela interação de um antígeno multivalente (alérgeno) com a imunoglobulina E (IgE), que está ligada ao receptor de alta afinidade para a imunoglobulina E (FceRI). A estimulação dos mastócitos via FceRI também ativa os fatores de transcrição NFAT e NFºB, responsáveis pela produção e liberação de citocinas. Os eventos iniciais da transdução de sinal ocorrem em microdomínios lipídicos (lipid rafts) da membrana plasmática. Imediatamente após o intercruzamento dos FcµRIs, os receptores e outros componentes do complexo de sinalização são translocados para os lipid rafts. Os gangliosídeos derivados do GD1b são componentes dos lipid rafts. O intercruzamento destes gangliosídeos pelo mAb AA4 promove uma ativação parcial dos mastócitos, semelhante às observadas pela ativação via FcµRI, mas não resulta na liberação de histamina. Quando os gangliosídeos derivados do GD1b são intercruzados pelo mAb AA4, após algum tempo, ocorre a formação de agregados (caps) na superfície celular. O aumento de caps na superfície celular correlaciona-se com a inibição da liberação de histamina via Fc[RI. O presente estudo tem como objetivo caracterizar o papel dos gangliosídeos derivados do GD1b na via de sinalização de mastócitos. Para tal, será investigado se o intercruzamento dos gangliosídeos derivados do GD1b ativa os fatores de transcrição NFAT e NFºB e se esta ativação é mediada pela proteína quinase Syk (Spleen tyrosine kinase). Também será avaliado se a ativação destes fatores de transcrição resultam na liberação de fatores neo-sintetizados pelos mastócitos. Ainda, a composição dos lipid rafts será caracterizada quando os gangliosídeos derivados do GD1b estão agregados ou não. Os conhecimentos sobre o papel dos gangliosídeos nas vias de sinalização de mastócitos poderão levar a novos alvos terapêuticos envolvidos em processos alérgicos e inflamatórios. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FREITAS FILHO, EDISMAURO GARCIA; MARIN JACA, LUIZ AUGUSTO; BAEZA, LILIAN CRISTIANE; DE ALMEIDA SOARES, CELIA MARIA; BORGES, CLAYTON LUIZ; OLIVER, CONSTANCE; JAMUR, MARIA CELIA. Proteomic Analysis of Lipid Rafts from RBL-2H3 Mast Cells. INTERNATIONAL JOURNAL OF MOLECULAR SCIENCES, v. 20, n. 16 AUG 2 2019. Citações Web of Science: 0.
FREITAS FILHO, EDISMAURO GARCIA; MARCELINO DA SILVA, ELAINE ZAYAS; ZANOTTO, CAMILA ZILIOTTO; OLIVER, CONSTANCE; JAMUR, ANDMARIA CELIA. Cross-Linking Mast Cell Specific Gangliosides Stimulates the Release of Newly Formed Lipid Mediators and Newly Synthesized Cytokines. Mediators of Inflammation, 2016. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.