Busca avançada
Ano de início
Entree

Interação entre linfócitos T-reg e NK de pacientes com câncer de ovário durante a resposta citotóxica contra neoplasias de ovário

Resumo

As células natural killer (NK) são linfócitos citotóxicos que atuam de maneira inata na defesa do organismo contra as infecções virais e neoplasias. Recentemente, demonstramos que é possível se obter preparações de células efetoras ricas em células NK de pacientes com neoplasia de ovário, por meio do cultivo in vitro de longa duração das células mononucleares do sangue periférico (CMSP). As células efetoras assim obtidas possuem proporção significativamente maior de células NK funcionais que as preparações usuais de células LAK (lymphokine activated killer). Adicionalmente, observamos incremento significativo da expressão de vários receptores ativadores nas células NK, incluindo a do receptor DNAM-1, o qual, frequentemente, está diminuído nas células NK de pacientes com neoplasia maligna de ovário. Todavia, dados preliminares indicam que a expansão de células efetoras de pacientes com neoplasia de ovário é, eventualmente, acompanhada do crescimento da população de linfócitos T reguladores (T-reg). Os linfócitos T-reg vêm sendo implicados nos mecanismos de supressão da resposta imunológica contra tumores, inclusive no câncer de ovário. Em linhas gerais, a presença das células T-reg no infiltrado linfocitário tumoral, bem como a produção das citocinas IL-10, TGF-² estão associados ao pior prognóstico. Todavia, não são conhecidos os mecanismos específicos pelos quais os linfócitos T-reg influenciam a função das células NK. Com isso, o presente estudo tem como objetivo avaliar a interação entre linfócitos NK e T-reg de pacientes com câncer de ovário, elucidando os possíveis mecanismos de modulação da função efetora das células NK. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)