Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de materiais de sensores baseados em filmes automontados de polímeros condutores e nanotubos de carbono para a determinação de desreguladores endócrinos em ambientes marinhos

Processo: 14/23858-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2015 - 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Fabio Ruiz Simões
Beneficiário:Fabio Ruiz Simões
Instituição-sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Assunto(s):Nanotubos de carbono  Polímeros condutores  Sensores  Agrotóxicos  Fármacos  Ecossistemas marinhos  Técnica de automontagem 

Resumo

Há um grande interesse no monitoramento ambiental de substâncias químicas conhecidas como Desreguladores Endócrinos (DE) oriundas de resíduos industriais e humanos que possam interferir no sistema endócrino de seres humanos e outros animais. Entretanto, o monitoramento dessas substâncias é em geral baseados em métodos cromatográficos. Neste sentido, o desenvolvimento de materiais de sensores para o monitoramento de substâncias DE, apresenta diversas vantagens como menor custo e tempo de análise bem como oferecerem a possibilidade do monitoramento in-situ. Materiais baseados em polímeros condutores (CP's) e nanotubos de carbono (CNT's) vêm sendo cada vez mais utilizados no desenvolvimento de sensores. Os CP's têm como principal característica sua a condutividade elétrica que pode ser regulada em ampla faixa, através de interações com receptores e doadores de elétrons, o que os torna atraentes como transdutores ou ativos enquanto que os CNT's têm a habilidade de promover reações de transferência de elétrons, aumentarem a velocidade de reação e diminuírem potenciais de oxidação. Assim, compósitos de CP's com CNT's tem sido desenvolvidos e apresentam propriedades sinergéticas como aumento da sensibilidade e da seletividade em relação aos materiais separados. Neste projeto, filmes automontados baseados em compósitos de CP´s e CNT's serão produzidos e avaliados na determinação de substâncias DE, como pesticidas, fármacos e hormônios em ambiente marinho. (AU)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE ARAUJO, GABRIELA MARTINS; SIMOES, FABIO RUIZ. Self-assembled films based on polypyrrole and carbon nanotubes composites for the determination of Diuron pesticide. Journal of Solid State Electrochemistry, v. 22, n. 5, SI, p. 1439-1448, MAY 2018. Citações Web of Science: 2.
FRANCA, RAFAELA FERREIRA; LIMA, THAYS DE SOUZA; SIMOES, FABIO RUIZ; CODOGNOTO, LUCIA. Electroanalytical Determination of Fenthion in Passiflora alata Tincture Samples. ORBITAL-THE ELECTRONIC JOURNAL OF CHEMISTRY, v. 10, n. 2, p. 92-97, JAN-MAR 2018. Citações Web of Science: 2.
LIMA, THAYS DE SOUZA; SIMOES, FABIO RUIZ; CODOGNOTO, LUCIA. Simultaneous voltammetric determination of carbendazim and carbaryl in medicinal plant infusions with a boron-doped diamond electrode. INTERNATIONAL JOURNAL OF ENVIRONMENTAL ANALYTICAL CHEMISTRY, v. 97, n. 8, p. 768-782, 2017. Citações Web of Science: 1.
DE ARAUJO, GABRIELA MARTINS; POLACCI, LUIS ANTONIO; MAZO, TATIANA; CODOGNOTO, LUCIA; SIMOES, FABIO RUIZ. Development of Modified Electrodes Based on Self Assembled Films of Polypirrole and Carbon Nanotubes Composites for Pesticides Monitoring. MRS ADVANCES, v. 1, n. 21, p. 1561-1569, 2016. Citações Web of Science: 1.
ROSA, TIAGO; AROEIRA, GUSTAVO J. R.; PARREIRA, LUANNA S.; CODOGNOTO, LUCIA; SANTOS, MAURO C.; SIMOES, FABIO R. Self-assembled films based on polyaniline/multiwalled carbon nanotubes composites and sulphonated polystyrene deposited onto ITO substrates. Synthetic Metals, v. 210, n. B, p. 186-191, DEC 2015. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.