Busca avançada
Ano de início
Entree

Viabilização da utilização do lodo de ETA como material de cobertura de aterros sanitários e na construção de aterros em solos compactados

Processo: 13/50448-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Parceria para Inovação Tecnológica - PITE
Vigência: 01 de setembro de 2015 - 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Geotécnica
Convênio/Acordo: SABESP
Pesquisador responsável:Maria Eugenia Gimenez Boscov
Beneficiário:Maria Eugenia Gimenez Boscov
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Empresa: Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos (São Paulo - Estado). Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (SABESP)
Município: São Paulo
Bolsa(s) vinculada(s):17/24056-6 - Comportamento geotécnico de misturas de solos tropicais paulistas com lodo de estação de tratamento de água, BP.DR
Assunto(s):Compactação  Aterros sanitários  Lixiviação  Cobertura do solo 

Resumo

Este projeto de pesquisa atende ao subtema "Utilização de lodo de ETA como material de recobrimento de aterro sanitário" da Segunda Chamada de Propostas de Pesquisa - Acordo de Cooperação para Desenvolvimento Tecnológico entre FAPESP e SABESP. O objetivo é desenvolver tecnologia para viabilizar a utilização em larga escala do lodo de ETA em duas aplicações geotécnias, atendendo aos aspectos de comportamento mecânico e hidráulico, assim como aos aspectos ambientais associados. As aplicações propostas neste projeto são à viabilização de um produto que será o lodo de ETA condicionado para a cobertura diária de aterros sanitários, e a viabilização da adição do lodo de ETA a solos visando aplicação direta em aterros de solo compactado. Tais aplicações visam o aproveitamento desse resíduo em quantidades significativas em todo o Estado de São Paulo. Prevêem-se benefícios, portanto, de redução da disposição de resíduos na natureza e de preservação de recursos naturais (solos) pela sua substituição parcial por resíduos. Para a aplicação como cobertura de aterros de resíduos, serão investigadas a consistência, trabalhabilidade, resistência ao cisalhamento, permeabilidade e deformabilidade de lodos condicionados, conforme a necessidade, por exemplo com a cal. Para a aplicação envolvendo lodo misturado a solos em obras geotécnicas, serão investigadas a resistência, permeabilidade e compressibilidade dos produtos finais em função das diferentes variáveis experimentais, dentre as quais, teores de lodo e tipos de solos. Serão realizados testes de campo em escala piloto em dois aterros sanitários, que já foram contatados pela equipe de pesquisadores. A verificação das características operacionais da utilização dos produtos em campo, para Iodos condicionados previamente testados no laboratório, consistirá de um aspecto essencial deste projeto de pesquisa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Doutorado e Mestrado em Geotécnica com Bolsa da FAPESP 
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.