Busca avançada
Ano de início
Entree

Emissão de metano, desempenho, características de carcaça e da carne de cordeiros alimentados com silagens de milho, gramínea e leguminosa de integração lavoura-pecuária

Resumo

A produção de gramíneas cultivadas em consórcio, no sistema de integração lavoura-pecuária, tem como um dos objetivos, fornecer alimento para a produção animal, podendo ser utilizado para viabilizar a produção de forragem para a entressafra ou para produção de silagens, visto que no Brasil, a estacionalidade na produção das forrageiras é um dos entraves principalmente na produção de ruminantes. O milho (Zea mays) é um dos grãos mais adaptados ao processo de ensilagem, no entanto não apresenta teores muito elevados de proteína. Uma alternativa para suprir este déficit é o consórcio com leguminosas, visando à melhoria do valor nutritivo da silagem, principalmente em sistemas de terminação em confinamento de ovinos, onde há o interesse de alto ganho de peso. Portanto, este experimento tem o objetivo de avaliar o efeito de volumosos, provenientes de um sistema de integração lavoura-pecuária, sobre o desempenho, digestibilidade, produção de metano, comportamento ingestivo, qualidade da carcaça e da carne de cordeiros ½ Dorper e ½ Santa Inês terminados em confinamento, com dietas constituídas por concentrado e silagem de milho advinda de cultivo exclusivo, concentrado e silagem de milho consorciada com Urochloa brizantha cv. MG-5 e concentrado e silagem de milho em consorcio com Urochloa brizantha cv. Marandu e guandu-anão. A altura de corte do volumoso para todos os tratamento foi de 40 cm, no intuito de maior valor nutricional. Além disso, será realizada uma análise econômica da terminação dos cordeiros com as dietas contendo os diferentes volumosos. (AU)