Busca avançada
Ano de início
Entree

Adaptação a dietas de alta energia para bovinos Nelore submetidos previamente a restrição nutricional ou consumo de ingredientes concentrados

Processo: 14/26210-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2015 - 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Danilo Domingues Millen
Beneficiário:Danilo Domingues Millen
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas. Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Dracena. Dracena , SP, Brasil
Assunto(s):Metabolismo animal  Gado Nelore  Dieta animal  Ração concentrada  Acidose  Rúmen 

Resumo

O objetivo dos dois estudos que serão propostos neste projeto será avaliar o efeito da restrição alimentar prévia ou exposição anterior a ingredientes concentrados sobre o tempo para adaptação à dietas de alto concentrado, desempenho produtivo, comportamento ingestivo, características de carcaça, saúde do epitélio ruminal, degradabilidade dos nutrientes, fermentação e perfil de bactérias ruminais de bovinos Nelore confinados. Em ambos os experimentos os tratamentos serão: Manutenção (forragem ad libitum + suplemento mineral); Restrição (forragem restrita a 1,4% do peso vivo + suplemento mineral) e Concentrado (forragem ad libitum + 0,5% do peso vivo de ingredientes concentrados e suplemento mineral). Para o primeiro estudo, serão utilizados 96 bovinos machos, não castrados, da raça Nelore, com peso vivo médio inicial de 380 kg. Os animais serão alojados em 24 baias, blocados por peso, caracterizando delineamento em blocos casualizados, em que serão avaliadas variáveis de desempenho produtivo, dias para completa adaptação, comportamento ingestivo, características de carcaça e saúde ruminal. O primeiro estudo terá duração de 112 dias, divididos em: 28 dias de pré-adaptação, em que os tratamentos serão aplicados, e 84 dias de alimentação com alta energia. No segundo estudo, será utilizado dois quadrados latinos 3 x 3, em que serão utilizados 6 bovinos da raça Nelore, não-castrados, com peso vivo aproximado de 350 kg, 20 meses de idade, canulados no rúmen. A duração deste estudo será de 110 dias: 14 dias de pré-adaptação e 16 dias de alimentação com alta energia em cada período, com intervalo de 10 dias (washout) entre os períodos 1 e 2, e 2 e 3. Neste segundo estudo, pH e temperatura ruminal serão monitorados por meio de data loggers, e ainda serão avaliados a degradabilidade in situ; produção de ácidos graxos de cadeia curta, amônia e ácido lático ruminal; comportamento ingestivo, e quantificação relativa das bactérias celulolíticas, amilolíticas e utilizadoras de lactato por meio da técnica de PCR. (AU)