Busca avançada
Ano de início
Entree

Acesso a serviços de saúde e saúde sexual e reprodutiva de mulheres que fazem sexo com mulheres

Processo: 15/04224-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2015 - 30 de junho de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem de Saúde Pública
Pesquisador responsável:Marli Teresinha Cassamassimo Duarte
Beneficiário:Marli Teresinha Cassamassimo Duarte
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados:Ilda de Godoy ; Márcia Guimarães da Silva
Bolsa(s) vinculada(s):15/14769-0 - Acesso a serviços de saúde e saúde sexual e reprodutiva de mulheres que fazem sexo com mulheres, BP.TT
Assunto(s):Saúde pública  Saúde sexual e reprodutiva  Vulnerabilidade em saúde  Doenças urogenitais femininas  Doenças transmissíveis  Mulheres 

Resumo

Este trabalho objetiva investigar o acesso a serviços de saúde e a saúde sexual e reprodutiva de mulheres que fazem sexo com mulheres, considerando-as num cenário dinâmico, no qual há relacionamento com homens e mulheres, de forma regular ou esporádica, aumentando o risco de adquirir doença sexualmente transmissível (DST)/aids, quando não se pratica sexo seguro. Trata-se de estudo transversal, descritivo e analítico que será desenvolvido no município de Botucatu/SP, envolvendo mulheres que fazem sexo com mulheres, por meio de três subprojetos: I) "Vulnerabilidade de mulheres que fazem sexo com mulheres residentes em municípios do interior paulista"; II) "Prevalência de infecções do trato genital inferior feminino e fatores associados em mulheres que fazem sexo com mulheres" e III) "Necessidades de saúde e acesso a serviços de mulheres que fazem sexo com mulheres". A composição do grupo de estudo se dará mediante divulgação da pesquisa nas redes de sociabilidade, meios de comunicação de massa, serviços de saúde e convite de participantes às pessoas de seu convívio. Serão analisadas variáveis sociodemográficas, comportamentais, relacionadas ao acesso a serviços de saúde, clínicas e reprodutivas. Os dados serão obtidos pelas pesquisadoras por entrevista, realização de exame da cavidade oral e ginecológico, com coleta de amostras orais, vaginais e cervicais para realização de exames laboratoriais para diagnóstico padrão-ouro das infecções do trato genital inferior e oral e coleta de sangue periférico para realização de exames sorológicos para HIV, hepatite B e sífilis. Os dados serão analisados por meio de estatística descritiva, teste qui-quadrado ou exato de Fisher e regressão logística múltipla. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARIANA ALICE DE OLIVEIRA IGNACIO; JULIANE ANDRADE; ANA PAULA FRENEDA DE FREITAS; GABRIEL VITOR DA SILVA PINTO; MARCIA GUIMARÃES DA SILVA; MARLI TERESINHA CASSAMASSIMO DUARTE. Prevalence of bacterial vaginosis and factors associated among women who have sex with women. Revista Latino-Americana de Enfermagem, v. 26, p. -, 2018.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.