Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do uso de biomarcadores no prognóstico da endocardite infecciosa

Resumo

Objetivos: Avaliar o uso de biomarcadores como preditores de óbito intra-hospitalar e do desfecho combinado: necessidade de tratamento cirúrgico da endocardite e/ou óbito intra-hospitalar. Casuística: 70 pacientes. Critérios de Inclusão: Idade acima de 18 anos. Caso suspeito de endocardite. Leitura e assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Critérios de Exclusão: Pacientes que não preencherem os Critérios de Duke modificados como "possivel" ou "definido". Uso de antibioticoterapia endovenosa por mais de 72hs. Metodologia: O estudo será realizado no Instituto do Coração e no Instituto Central do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (InCor HC-FMUSP). A seleção será realizada através de busca ativa diária através das atividades regulares da Unidade Clinica de Medicina Interdisciplinar em Cardiologia e da Unidade de Controle de Infecção Hospitalar do InCor. HC. FMUSP. Todos pacientes serão submetidos a investigação padrão (laboratorial e ecocardiográfica) e tratamento antibiótico pela rotina conforme normatização do InCor HC-FMUSP na admissão. Os resultados dos biomarcadores serão obtidos a posteriori e não serão divulgados ao médico que assiste ao paciente durante o período de tratamento da endocardite. A coleta dos biomarcadores ocorrera em dois momentos: na inclusão do estudo e no oitavo dia de tratamento antibiótico. As amostras serão armazenadas a -80o C no Laboratório de Analises Clinicas do InCor.HC.FMUSP até que as análises químicas possam ser realizadas. Os biomarcadores analisados serão: Troponina I, Copeptina, Acetona exalada, ST2, Proteína C reativa, Procalcitonina, SuPAR, MR-proADM, e Cistatina C. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)