Busca avançada
Ano de início
Entree

Towards novel biosensor devices for improved cancer diagnosis

Processo: 15/50082-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2015 - 31 de julho de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrônicas, Instrumentação
Convênio/Acordo: University of Bath
Pesquisador responsável:Marcelo Mulato
Beneficiário:Marcelo Mulato
Pesq. responsável no exterior: Pedro Miguel de Lemos Correia Estrela
Instituição no exterior: University of Bath, Inglaterra
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/09562-4 - Biossensores microeletrônicos associados a técnicas eletroquímicas, AP.R
Assunto(s):Neoplasias mamárias  Neoplasias da próstata  Técnicas e procedimentos diagnósticos  Biomarcadores  Técnicas biossensoriais  Projetos SPRINT 

Resumo

A identificação de marcadores específicos de câncer nos estágios iniciais da doença pode melhorar grandemente o sucesso clínico e reduzir o número de mortes relacionadas. O rastreamento dos marcadores de câncer ocorre principalmente de forma centralizada em laboratórios utilizando analisadores automatizados, o que requer o ' transporte das amostras, tempos de espera e custos significativos. Biossensores de uso local e específico poderiam melhorar os diagnósticos e as intervenções clínicas aumentando a eficiência do tratamento. O foco principal da presente colaboração é o desenvolvimento de uma matriz de biossensores que possibilite a detecção simultânea de um painel de biomarcadores específicos para câncer mamário e de próstata. Um programa colaborativo focado no desenvolvimento de biossensores específicos para uma faixa de biomarcadores de câncer possibilitará a melhoria de dispositivos capazes de detectar o câncer em seus estágios iniciais, provendo informação sobre a terapia a ser seguida e indo de encontro à demanda médica atual. Os proponentes irão desenvolver uma matriz multiplexada de sensores em um chip combinando técnicas que permitam maior sensibilidade e seletividade. Dispositivos inovadores, robustos e ultra-sensíveis e específicos para a detecção de câncer (mamário e de próstata) serão então desenvolvidos. Mais importante ainda, os dispositivos detectarão simultaneamente uma coleção de biomarcadores de câncer para melhorar o diagnóstico e prognóstico da doença. (AU)