Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da eficácia de ácido valproico combinado ao tratamento padrão de quimiorradioterapia concomitante baseada em cisplatina, em pacientes portadores de carcinoma epidermoide de cabeça e pescoço localmente avançado

Processo: 14/26965-5
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2015 - 30 de setembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Gilberto de Castro Junior
Beneficiário:Gilberto de Castro Junior
Instituição Sede: Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Octavio Frias de Oliveira (ICESP). Coordenadoria de Serviços de Saúde (CSS). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados: Fabyane de Oliveira Teixeira Garcia ; Fátima Solange Pasini ; Milena Perez Mak ; Sheila Aparecida Coelho Siqueira
Assunto(s):Quimiorradioterapia  Epigenômica  Epigênese genética  Oncologia  Ácido valproico  Cisplatino  Neoplasias de cabeça e pescoço 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:ácido valpróico | câncer de cabeça e pescoço | cisplatina | epigenética | inibidor da deacetilação das histonas | quimiorradioterapia | Cancerologia

Resumo

O carcinoma epidermóide de cabeça e pescoço (CECP) tem importante incidência e morbidade com cerca de 500 mil casos novos ao ano no mundo. A maioria dos pacientes é diagnosticada em estádios localmente avançados, cujo tratamento padrão é a quimiorradioterapia (QRT) baseada em cisplatina. Todavia, cerca de 70% dos pacientes apresentam recidiva ou óbito em 5 anos. A incorporação de novas estratégias de tratamento no SUS é limitada pela escassez de recursos. Uma estratégia de tratamento a ser investigada é o uso de reguladores epigenéticos, tais como o ácido valpróico (VPA), ao tratamento padrão desses pacientes. O VPA é um anticonvulsivante oral, já em uso na prática clínica e disponível no SUS, que apresenta ação na inibição da deacetilação das histonas (iHDAC). Desta forma, vias de ativação de apoptose, diferenciação celular e diminuição da expressão de fatores de crescimento são ativadas. Estudos in vitro demonstram também a ação radiossensibilizante deste composto. Outras drogas da classe de iHDAC já são aprovadas para tratamento de linfoma T cutâneo (vorinostat e romidepsin). Estudos fase I e II com VPA comprovam a segurança deste composto no tratamento de neoplasias, bem como respostas encorajadoras. Propõe-se assim estudo fase II da combinação de VPA ao tratamento padrão de QRT baseada em cisplatina em pacientes com CECP localmente avançados de orofaringe e cavidade oral, tendo como objetivo primário avaliar a taxa de resposta. Biomarcadores serão avaliados para correlação com a atividade biológica de VPA. Uma análise pré-planejada para o subtipo HPV relacionado será realizada. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MAK, MILENA PEREZ; PASINI, FATIMA SOLANGE; DIAO, LIXIA; TEIXEIRA GARCIA, FABYANE O.; TAKAHASHI, TIAGO KENJI; NAKAZOTO, DENYEI; MARTINS, RENATA EIRAS; ALMEIDA, CRISTIANE MARIA; VAMONDES KULCSAR, MARCO AURELIO; LAMOUNIER, VALDELANIA APARECIDA; et al. Valproic acid combined with cisplatin-based chemoradiation in locally advanced head and neck squamous cell carcinoma patients and associated biomarkers. ECANCERMEDICALSCIENCE, v. 14, . (15/01584-1, 14/26965-5)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.