Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso do pamidronato na prevenção da cardiotoxicidade aguda induzida pela doxorrubicina em ratos

Processo: 13/10182-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2015 - 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Bertha Furlan Polegato
Beneficiário:Bertha Furlan Polegato
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados:Leonardo Antonio Mamede Zornoff ; Marcos Ferreira Minicucci ; Paula Schmidt Azevedo Gaiolla ; Sergio Alberto Rupp de Paiva
Assunto(s):Pamidronato  Doxorrubicina  Cardiologia  Insuficiência cardíaca 

Resumo

A doxorrubicina (DOX) é uma droga utilizada com sucesso no tratamento de neoplasias, mas apresenta como efeito colateral mais grave a cardiotoxicidade, que pode se iniciar imediatamente após a infusão da droga. Dentre os mecanismos envolvidos na gênese da lesão, estão o aumento da atividade inflamatória e a ativação de metaloproteinases (MMP). Intervenções que minimizem a ativação de MMP podem ter um papel importante na prevenção da cardiotoxicidade. O pamidronato (PMD) é uma droga da família dos bifosfonados, sendo utilizada em doenças que alteram o metabolismo ósseo, como a osteoporose. Contudo, outros efeitos biológicos dos bifosfonados vêm sendo descobertos, como a diminuição da resposta inflamatória e da ativação de MMP. Assim sendo, nosso objetivo será avaliar o efeito do PMD na cardiotoxicidade aguda induzida pela DOX. Para isso serão utilizados ratos Wistar, que receberão injeção intraperitoneal de PMD (3mg/kg) e DOX (20mg/kg). Serão constituídos 4 grupos experimentais: PMD-DOX, PMD-controle, DOX-controle e controle-controle. Os animais serão submetidos à eutanásia 48 horas após a infusão das drogas. Será realizado ecocardiograma para análise da função cardíaca in vivo e ao estudo do coração isolado para análise funcional in vitro. O coração será coletado para análise histológica, dosagem de IL-10, IFN-d, TNF-± e ICAM-1 através de método ELISA e análise da atividade de MMP 2 e 9 através de zimografia. A análise estatística será realizada através de ANOVA de dois fatores independentes. O nível de significância adotado será de 5%. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE CARVALHO, PAULA BERNARDO; GONCALVES, ANDREA DE FREITAS; CORREA ALEGRE, PATRICIA HELENA; AZEVEDO, PAULA SCHMIDT; ROSCANI, MELIZA GOI; BERGAMASCO, CAROLINA MARABESI; MODESTO, PAMELA N.; FERNANDES, ANA ANGELICA; MINICUCCI, MARCOS FERREIRA; RUPP PAIVA, SERGIO ALBERTO; ANTONIO, LEONARDO; ZORNOFF, MAMEDE; POLEGATO, BERTHA FURLAN. Pamidronate Attenuates Oxidative Stress and Energetic Metabolism Changes but Worsens Functional Outcomes in Acute Doxorubicin-Induced Cardiotoxicity in Rats. CELLULAR PHYSIOLOGY AND BIOCHEMISTRY, v. 40, n. 3-4, p. 431-442, 2016. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.