Busca avançada
Ano de início
Entree

Uma década de ensino, pesquisa e extensão em economia solidária na Universidade Federal de São Carlos: da INCOOP ao NuMi-EcoSol

Processo: 15/50097-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Livros no Brasil
Vigência: 01 de novembro de 2015 - 31 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Economia - Economia do Bem-estar Social
Pesquisador responsável:Ana Lucia Cortegoso
Beneficiário:Ana Lucia Cortegoso
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):História  Universidades  Autogestão  Economia solidária  Ensino superior  Pesquisa científica  Extensão universitária  Livros  Publicações de divulgação científica 

Resumo

Publicação que resulta da sistematização de trabalho realizado no âmbito da Incubadora Regional de Cooperativas Populares da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). A obra é constituída de quinze capítulos, antecedidos de um prefácio elaborado pelo Reitor e ex Pró-Reitor de Extensão, Prof Dr. Targino de Araújo Filho e uma apresentação elaborada pelos organizadores da obra; dois capítulos iniciais são relativos à constituição e funcionamento da INCOOP, incluindo sua transformação em uma unidade institucionalizada na UFSCar a partir de 2011. Os dois capítulos seguintes são dedicados ao exame da inserção da INCOOP no contexto mais amplo da economia solidária. Nos capítulos subsequentes são apresentados e examinados o método de incubação que orienta a equipe em seu trabalho de intervenção na realidade (com a íntegra do método em anexo), a experiência mais duradoura de assessoria da equipe a um empreendimento econômico solidário, atividades de formação e pesquisa em economia solidária desenvolvidas no âmbito da Incubadora, uma experiência de ação visando desenvolvimento territorial com economia solidária e fundamentos para esta ação, contribuições para a formulação de políticas públicas em economia solidária, experiências relativas à proposição (ou adequação) de tecnologia social neste campo, e experiências em relação a finanças solidárias e promoção de práticas de consumo solidário. (AU)