Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de lipossomas para aplicação dermatológica na prevenção e no tratamento da acne

Processo: 15/50042-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de novembro de 2015 - 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Tecnologia Química
Pesquisador responsável:Paulo de Tarso Hennies
Beneficiário:Paulo de Tarso Hennies
Empresa:Libera Tecnologia e Inovação Ltda
Município: São Paulo
Vinculado ao auxílio:12/50982-1 - Desenvolvimento de lipossomas para aplicação dermatológica na prevenção e no tratamento da acne, AP.PIPE
Auxílios(s) vinculado(s):18/50098-0 - Lipossomas multifuncionais, processo para a sua preparação e produtos com eles preparados, AP.PAPI
Bolsa(s) vinculada(s):15/23718-0 - Desenvolvimento de lipossomas para aplicação dermatológica na prevenção e no tratamento da acne, BP.PIPE
Assunto(s):Nanotecnologia  Cosmetologia  Cosméticos  Lipossomos  Pele  Acne vulgar  Propionibacterium acnes 

Resumo

No presente projeto propõe-se a produção de lipossomas aplicáveis na prevenção e no tratamento cosmético e farmacêutico da acne leve a moderada. Sua produção será realizada pelo processo de injeção de etanol e posterior extra são para obtenção de lipossomas unilamelares pequenos. Aos lipossomas serão incorporados ingredientes com atividades antimicrobiana contra P. acnes, antiinflamatória e sebo-reguladora (este último apenas nos lipossomas grau farmacêutico). Em produto cosmético complementar serão incorporados os ativos queratolítico e sebo-regulador. Os lipossomas serão caracterizados através do pH da suspensão, tamanho de partícula, potencial zeta, eficiência de encapsulação, composição e de sua estabilidade físico-química e microbiológica. A segurança e a eficácia dos lipossomas serão avaliadas através de estudos in vitro de genotoxicidade, cito/fototoxicidade, potencial de irritação ocular, permeação cutânea, atividade antimicrobiana (MIC contra P. acnes e tempo de morte), potencial antiinflamatório, pela determinação de níveis de citocinas IL-1a e IL-8, e potencial sebo-regulador, através da determinação da expressão de 5-a-redutase produzida por queratinócitos após desafio com P. acnes. E, posteriormente, por meio de estudos clínicos de segurança e de eficácia, após aprovação por Comitê de Ética. Espera-se durante esse projeto alcançar um produto tecnicamente eficiente, com alta aceitação na pele humana, viável econômica e comercialmente. No final do projeto, a intenção é que os produtos já estejam prontos para serem produzidos industrialmente e comercializados. (AU)