Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de bioacumulação de contaminantes orgânicos presentes na água do mar nos ecossistemas marinhos do Sistema Estuarino de Santos - São Vicente e do sistema estuarino-lagunar de Cananéia-Iguape

Processo: 15/20497-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2016 - 31 de janeiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Química
Pesquisador responsável:Rafael Andre Lourenço
Beneficiário:Rafael Andre Lourenço
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Márcia Caruso Bícego ; Rosalinda Carmela Montone
Assunto(s):Química orgânica marinha  Bivalvia  Poluentes orgânicos  Inseticidas organoclorados  Bioacumulação 

Resumo

O Estuário de Santos no litoral de São Paulo é uma das mais importantes regiões econômicas do Brasil. Com alta densidade populacional, a cidade de Santos abriga o maior porto comercial da América Latina e um dos maiores e mais importantes complexos petroquímicos e metalúrgicos do Brasil, o complexo industrial de Cubatão. A atividade portuária juntamente com a atividade industrial em uma região populosa acaba por gerar uma grande carga de poluentes orgânicos como hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA) e compostos organoclorados, que alcançam o estuário via drenagem fluvial, efluentes industriais e esgotos domésticos. Já a região de Cananéia, ao sul do Estado de São Paulo, apresenta pouca atividade antrópica e não conta com portos importantes ou indústrias, contudo tem na agricultura, especificamente o cultivo de banana, uma das principais atividades econômicas da região. Os insumos agrícolas e pesticidas utilizados na agricultura nessa região também alcançam o mar pela drenagem fluvial. Por se tratarem de regiões com intensa atividade de pesca para consumo humano, a identificação das concentrações de contaminantes orgânicos na água do mar é um fator importante devido à bioacumulação e biomagnificação desses compostos nos tecidos dos organismos. Uma vez que as concentrações de compostos orgânicos na água em geral são em nível-traço, a análise desses compostos por técnicas analíticas usuais requer a coleta de grandes volumes de água o que pode tornar o método inviável. De forma alternativa, podem ser usadas técnicas de pré-concentração desses compostos, como os dispositivos de membranas semipermeáveis (SPMD) e exposição de bivalves nas áreas de estudo. O objetivo do estudo proposto é avaliar a concentração de contaminantes orgânicos na água do mar no sistema estuarino de Santos e no sistema lagunar de Cananéia-Iguape através da exposição de bivalves e de SPMD a fim de se obter um melhor panorama das concentrações de HPA e organoclorados na água do mar nessas duas regiões além de avaliar a potencial bioacumulação desses compostos. A utilização de SPMD para análise de compostos orgânicos em água ainda é incipiente no Brasil. A execução do presente projeto auxiliaria na implementação de uma nova técnica para análise de compostos orgânicos em água. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FONTENELLE, FABIANA RIBEIRO; TANIGUCHI, SATIE; DA SILVA, JOSILENE; LOURENCO, RAFAEL ANDRE. Environmental quality survey of an industrialized estuary and an Atlantic Forest Biosphere Reserve through a comparative appraisal of organic pollutants. Environmental Pollution, v. 248, p. 339-348, MAY 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.