Busca avançada
Ano de início
Entree

O efeito da atividade física no metabolismo de flúor em crianças sedentárias: um estudo de viabilidade

Processo: 15/50406-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 01 de agosto de 2016 - 21 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Convênio/Acordo: CONFAP ; Newton Fund, com FAPESP como instituição parceira no Brasil
Pesquisador responsável:Sandra Lia do Amaral Cardoso
Beneficiário:Sandra Lia do Amaral Cardoso
Pesquisador visitante: Liane Beretta de Azevedo
Inst. do pesquisador visitante: Teeside University, Inglaterra
Instituição-sede: Faculdade de Ciências (FC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Atividade física  Exercício físico  Metabolismo  Crianças 

Resumo

Diversos fatores afetam o metabolismo de flúor, entretanto, as evidências a respeito dos efeitos do exercício no metabolismo de flúor são ainda limitadas e contraditórias. O objetivo da visita da Dra Azevedo será de levantar informações a respeito da exequibilidade do projeto, e planejar um desenho experimental maior, objetivando a compreensão dos efeitos da atividade física no metabolismo de flúor. Dra Azevedo foi uma das escolhidas pelo British-Council FAPESP researcher Links workshop, que aconteceu na USP em 2014. A partir deste encontro, um grupo de pesquisadores foi estabelecido, envolvendo pesquisadores na área de saúde bucal das universidades de São Paulo, Newcastle e Teesside. Este grupo desenvolveu uma agenda de pesquisas objetivando explorar os diversos efeitos do exercício e da genética no metabolismo de flúor. Recentemente, a Dra Amaral, da UNESP, foi envolvida neste grupo devido ao seu conhecimento nas áreas de fisiologia cardiovascular, exercício e modelos animais. Este grupo de pesquisa recebeu recentemente um financiamento SPRINT/FAPESP-2015 para desenvolver um projeto piloto que visa investigar os efeitos da variação genética e do ambiente (dose e exercício) sobre o metabolismo de flúor em camundongos. O protocolo final, oriundo deste piloto, dar-se-á início em fevereiro de 2016, como parte de um financiamento de pós-doe pela FAPESP. Em paralelo aos estudos com animais, o grupo tem investigado os efeitos do exercício no metabolismo de flúor em adultos (ZOHOORI et al.). Entretanto, os efeitos em crianças não têm sido investigados e, em termos de otimização das terapias de reposição de flúor, deverá haver implicações diretas nas Diretrizes de política nacional para adequação do momento certo para o consumo de leite fluidizado nas escolas. A Dra. Azevedo está envolvida em várias intervenções de saúde pública, atividade física na criança e metabolismo de flúor e exercício. Durante sua visita, as doutoras Azevedo e Amaral irão verificar a disponibilidade das escolas, pais e crianças para participarem de um estudo maior e investigar os níveis de sedentarismo nas crianças. Elas ainda irão testar os procedimentos metodológicos nas crianças (medidas de lactato sanguíneo e dueto salivar). Os dados desta análise preliminar irão dar suporte ao desenvolvimento de uma proposta de financiamento maior (British Council I Newton Fund calls). Finalmente, a Dra Azevedo dará seminários em 3 Universidades no estado de São Paulo (USP, UNIFESP e UNESP). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.