Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da suplementação alimentar com chia ou goma xantana no processo inflamatório associado ao câncer em ratos Wistar inoculados com tumor de Walker 256 e em células tumorais.

Resumo

Estado pró-inflamatório crônico tem sido associado com aumento no risco de desenvolvimento de câncer, sendo que uma grande variedade de condições inflamatórias crônicas predispõe as células normais sensíveis à transformação neoplásica. A Salvia hispanica L., conhecida popularmente como Chia, contem altas quantidades de ácidos graxos poli-insaturados do tipo n-3 e compostos polifenólicos que tem efeitos anti-inflamatórios. Por outro lado, alguns trabalhos reportam que a goma xantana, utilizada como espessante de alimentos, e ingerida em quantidades consideráveis por indivíduos com disfagia, pode induzir respostas e processos pró-inflamatórios. O objetivo deste estudo será avaliar o efeito da suplementação da dieta com farinha de chia ou goma xantana sobre o metabolismo da glicose, perfil pró-inflamatório e desenvolvimento do tumor de Walker 256 em ratos. Adicionalmente, iremos avaliar, a produção de citocinas e a expressão protéica de fatores envolvidos com a via da angiogênese e metástase por células imortalizadas do tipo MCF-7 tratadas ou não com ácido alfa linolênico, quercetina e os dois em conjunto. Para isto ratos Wistar com 21 dias serão tratados com dieta controle, dieta enriquecida com farinha de chia ou adicionada com goma xantana por 8 semanas. Após este período os animais serão inoculados com tumor de Walker 256. O peso corporal e ingestão alimentar serão avaliados durante todo período experimental. ITT e OGTT serão realizados após 10 dias da inoculação do tumor. No 14º dia os animais serão eutanasiados com dose letal de anestésico. O sangue, tecidos adiposos branco retroperitoneal, epididimal e mesentérico, fígado, músculo gastrocnêmio e tumor serão coletados, pesados e armazenados para as seguintes análises: conteúdo de citocinas (ELISA), quantificação de IL6R, TNFR, ADIPOR1, ADIPOR2, TLR4 e MYD88 (Western blotting). No tumor, também, avaliaremos: HIF-1, NFkB e STAT 3. Analisaremos o conteúdo de proteína e gordura na carcaça eviscerada dos animais. Nas células tumorais imortalizadas em cultura avaliaremos os mesmos parâmetros analisados nos tecidos in vivo.Os resultados serão expressos como média ± e.p.m. Análise estatística adequada será realizada após teste de normalidade de Kolmogorov-Smirnov. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA RISCHITELI, ALESSANDRA B.; NETO, NELSON I. P.; GASCHO, KARINA; CARNIER, MARCELA; DE MIRANDA, DANIELLE A.; SILVA, FERNANDA P.; BOLDARINE, VALTER T.; SEELAENDER, MARILIA; RIBEIRO, ELIANE B.; OYAMA, LILA M.; OLLER DO NASCIMENTO, CLAUDIA M. A diet including xanthan gum triggers a pro-inflammatory response in Wistar rats inoculated with Walker 256 cells. PLoS One, v. 14, n. 6 JUN 18 2019. Citações Web of Science: 0.
CARNIER, MARCELA; SILVA, FERNANDA PINHEIRO; DE MIRANDA, DANIELLE ARAUJO; LOSINSKAS HACHUL, ANA CLAUDIA; SILVA RISCHITELI, ALESSANDRA BRAGANCA; PINTO NETO, NELSON INACIO; BOLDARINE, VALTER TADEU; SEELAENDER, MARILIA; OLLER DO NASCIMENTO, CLAUDIA MARIA; OYAMA, LILA MISSAE. Diet Supplemented with Chia Flour did not Modified the Inflammatory Process and Tumor Development in Wistar Rats Inoculated with Walker 256 Cells. NUTRITION AND CANCER-AN INTERNATIONAL JOURNAL, v. 70, n. 7, p. 1007-1016, 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.