Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da embalagem na estabilidade de leite em pó adicionado de ômega 3 microencapsulado

Processo: 15/12955-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2016 - 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Fiorella Balardin Hellmeister Dantas
Beneficiário:Fiorella Balardin Hellmeister Dantas
Instituição-sede: Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:Adriana Torres Silva e Alves ; Aline de Oliveira Garcia ; Ana Maria Rauen de Oliveira Miguel ; Izabela Dutra Alvim ; Rosa Maria Vercelino Alves ; Silvia Tondella Dantas
Bolsa(s) vinculada(s):16/16215-4 - Influência da embalagem na estabilidade de leite em pó adicionado de ômega 3 microencapsulado, BP.TT
Assunto(s):Leite em pó  Microencapsulação  Ácidos graxos ômega-3  Embalagens de alimentos 

Resumo

A indústria mundial de alimentos necessita de constante inovação em produtos e processos devido à atual exigência dos consumidores e impulsionada por evidências científicas dos benefícios à saúde resultantes do consumo de alimentos com perfil nutricional melhorado. O leite é um dos produtos naturais mais completos e é considerado um alimento saudável para crianças e adultos. Os ácidos graxos polinsaturados, principalmente do grupo ômega 3 são importantes ainda para o crescimento e desenvolvimento fetal e para a função visual e cognitiva em recém nascidos, crianças e adultos, além de prevenirem diversas doenças. Este projeto tem como objetivo estudar a influência do material de embalagem utilizado no acondicionado de leite em pó na manutenção da qualidade de micropartículas contendo ômega 3 incorporadas ao produto com o objetivo de aumentar o valor nutricional e, desta forma, melhorar a segurança e a eficiência de produtos alimentícios fortificados. Para isso, serão utilizadas partículas encapsuladas comercialmente disponíveis e o produto adicionado das micropartículas será acondicionado em quatro tipos de embalagem, quais sejam, lata metálica de três peças, lata multifolhada, embalagem plástica flexível barreira e embalagem plástica flexível não barreira. Após o acondicionamento do produto nas quatro amostras de embalagem, essas serão condicionadas em câmaras de estocagem a 23 °C/sem controle de umidade relativa, 25 °C/75% UR, 35 °C/90% UR e 40 °C/sem controle de umidade relativa, sendo que nas condições de temperatura acelerada (35 °C/90% UR e 40 °C/sem controle de umidade) o produto será acompanhado pelo período de 3 meses e nas condições 23 °C/sem controle de umidade e 25 °C/75% UR o produto será acompanhado pelo período de 1 ano. Ao final espera-se dispor de um produto com apelo benéfico à saúde que apresente manutenção das suas características desejáveis pelo período de 12 meses numa embalagem especificada adequadamente. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CAMARGO NOVAES, SYLVIA SALIONI; HELLMEISTER DANTAS, FIORELLA BALARDIN; ALVIM, IZABELA DUTRA; RAUEN DE OLIVEIRA MIGUEL, ANA MARIA; VISSOTTO, FERNANDA ZARATINI; VERCELINO ALVES, ROSA MARIA. Experimental method to obtain a uniform food powder mixture of omega-3 microcapsules and whole milk powder. LWT-FOOD SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 102, p. 372-378, MAR 2019. Citações Web of Science: 1.
CAMARGO NOVAES, SYLVIA SALIONI; HELLMEISTER DANTAS, FIORELLA BALARDIN; ALVIM, IZABELA DUTRA; RAUEN DE OLIVEIRA MIGUEL, ANA MARIA; DANTAS, SILVIA TONDELLA; VERCELINO ALVES, ROSA MARIA. Stability of omega-3 enriched milk powder in different commercial packages stored under accelerated conditions of temperature and relative humidity. INTERNATIONAL DAIRY JOURNAL, v. 88, p. 1-9, JAN 2019. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.