Busca avançada
Ano de início
Entree

Dicionário de História Cultural Transatlântica, sécs. XVIII - XXI (Transcultura)

Processo: 15/50187-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2016 - 30 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História Moderna e Contemporânea
Convênio/Acordo: ANR
Pesquisador responsável:Gabriela Pellegrino Soares
Beneficiário:Gabriela Pellegrino Soares
Pesq. responsável no exterior: Anais Flechet
Instituição no exterior: Université de Versailles Saint-Quentin-en-Yvelines (UVSQ), França
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Dicionários 

Resumo

Transcultur@ é um projeto de pesquisa de cooperação internacional desenvolvida por uma equipe franco-brasileira de especialistas em Ciências Humanas e Sociais. Seu objetivo é a elaboração de um Dicionário de História Cultural Transatlântica: uma ferramenta científica e tecnológica inovadora, publicada on line em quatro idiomas (inglês, espanhol, francês e português), para compreender as dinâmicas do espaço atlântico e seu papel nos processos contemporâneos de globalização. Por meio de uma série de informações sobre as complexas relações culturais entre a Europa, a África e as Américas, esta enciclopédia digital visa realizar uma história conectada do espaço transatlântico contemporâneo, em uma perspectiva interdisciplinar que integra historiadores, antropólogos, sociólogos, cientistas políticos, musicólogos, críticos de literatura, arte, teatro ou cinema. Concebido em interseção com a pesquisa, este dicionário propõe uma reflexão sobre as circulações transatlânticas e a globalização cultural, assim como sobre os processos identitários e de definição das fronteiras que contribuíram para a formação e renovação das grandes áreas culturais desde o século XVIII. Com suporte da plataforma TGIR Huma-Num, Transcultur@ fomentará uso das Humanidades Digitais para mensurar, cartografar, analisar as circulações culturais no espaço atlântico. Será desenvolvida por três instituições principais: Universidade de Versailles Saint-Quentin-en-Yvelines, Universidade Sorbonne Nouvelle Paris 3 e Universidade de São Paulo. (AU)