Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de biomarcadores da angiogênese no desenvolvimento do câncer e resposta ao tratamento

Processo: 15/04403-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2016 - 31 de agosto de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Eny Maria Goloni Bertollo
Beneficiário:Eny Maria Goloni Bertollo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):18/11819-4 - Relação entre o fenótipo CD44/CD133/CD117 de células tronco tumorais e a resposta ao tratamento com cetuximabe e paclitaxel em linhagens de câncer de cabeça e pescoço, PUB.ART
Assunto(s):Expressão de proteínas  Tratamento  Neoplasias  Expressão gênica  Angiogênese 

Resumo

Introdução: A angiogênese é um dos principais processos envolvidos no desenvolvimento do câncer. Em vista disto, é importante identificar biomarcadores angiogênicos que podem auxiliar no diagnóstico precoce do câncer, prognóstico, terapia e na elaboração de estratégias de sua prevenção. Objetivos: O presente projeto tem como objetivo identificar marcadores angiogênicos em câncer de cabeça e pescoço (CCP), câncer de tireoide (CT) e carcinoma hepatocelular (CHC) por meio da: 1) Avaliação da expressão de RNA mensageiro (RNAm) de genes envolvidos no metabolismo de Fase I (CYPs e Oxigenases) e de Fase II (antioxidantes) e do gene VEGFA em CCP e em tecidos normais adjacentes; 2) Analise do efeito inibitório da atorvastatina no estresse oxidativo em linhagem SCC-15 de CCP; quantificar a expressão de RNAm e proteína de VEGFA nas culturas tratadas e não tratadas com atorvastatina; avaliar o efeito da inibição do estresse oxidativo na expressão gênica e proteica de VEGFA e na angiogênese e invasão celular in vitro; 3) Detecção, em estudos de linhagem celular de CHC (HepG2 e SNU-182) e amostras de tecido fresco, o envolvimento dos miRNAs (hsa-miR-612, hsa-miR-1255a, hsa-miR-206, hsa-miR-874, hsa-miR-1, hsa-miR-15b) na regulação do gene VEGFA; 4) Avaliação da expressão dos miRNAs hsa-miR-140-5p, hsa-miR-187-5p e dos genes VEGFA e NFE2L2 em linhagem celular de CT (linhagem K1), e em amostras humanas de carcinoma de tireoide e de hiperplasia, comparando com as amostras dos tecidos adjacentes e verificar, pela tecnica de tranfecção celular, o envolvimento dos miRNAs no silenciamento dos genes VEGFA e NFE2L2; 5) Identificação CTT em CCP de pacientes submetidos à cirurgia; aplicar os quimioterápico Cetuximabe e o Docetaxel, utilizado, in vitro, nas CTT e verificar a viabilidade celular em relação ao tempo de exposição ao quimioterápico; comparar o grau de resistência das CTT sem a aplicação do quimioterápico com as CTT expostas ao quimioterápico e avaliar a expressão dos genes CD44, CD133 e ALDH1 relacionados com CTT e dos genes TrkB, EGF, EGFR e KRAS relacionados com a angiogênese, em tumores de cabeça e pescoço de acordo com o tempo de exposição. Materiais e Métodos: A metodologia envolverá cultura primária de tumores CCP, CHC e CT e, de linhagens celulares (SCC-15, HepG2, SNU-182, K1). As células das culturas primárias de tumores CCP serão tratadas com os quimioterápicos Cetuximabe e Docetaxel e, submetidas à análise de viabilidade celular pelo ensaio MTS, de apoptose por citometria de fluxo, expressão gênica e proteica de CD44, CD133, ALDH1, TrkB, EGF, EGFR, KRAS. As células da linhagem SCC-15 serão tratadas com Atorvastatina para avaliação da geração intracelular de espécies reativas de oxigênio (EROs) e os efeitos do estresse oxidativo na angiogênese, avaliando o potencial de formação de vasos e de invasão celular utilizando o kit Cellinvasionas. As células das culturas primárias de CHC e linhagens HepG2 e SNU-182 serão submetidas a transfecção para mimetizar os miRNAs miR-206, miR-1255a e miR-612 e, inibir os miR-874, miR-1 e miR-15b e avaliação da expressão do gene VEGFA. As células das culturas primárias de CT e da linhagem K1 serão transfectadas com os miRNAs hsa-miR-140-5p, hsa-miR-187-5p para silenciamento dos genes VEGFA e NFE2L2. Os resultados serão avaliados por análise estatística em programas específicos. Os dados serão redigidos em artigos científicos e publicados em revistas de alto impacto na literatura, proporcionando inovação tecnológica, biomarcadores eficientes, colaborando significativamente no prognóstico, diagnóstico e tratamento do câncer. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA GALBIATTI-DIAS, ANA LIVIA; MENDONCA FERNANDES, GLAUCIA MARIA; URBANIN CASTANHOLE-NUNES, MARCIA MARIA; HIDALGO, LUIZA FERNANDES; VIESI NASCIMENTO FILHO, CARLOS HENRIQUE; KAWASAKI-OYAMA, ROSA SAYOKO; MUNIZ FERREIRA, LETICIA ANTUNES; BISELLI-CHICOTE, PATRICIA MATTOS; PAVARINO, ERIKA CRISTINA; GOLONI-BERTOLLO, ENY MARIA. Relationship between CD44(high)/CD133(high)/CD117(high) cancer stem cells phenotype and Cetuximab and Paclitaxel treatment response in head and neck cancer cell lines. AMERICAN JOURNAL OF CANCER RESEARCH, v. 8, n. 8, p. 1633-1641, 2018. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.