Busca avançada
Ano de início
Entree

Marcadores neurocognitivos para o diagnóstico precoce e diferencial para a Doença de Alzheimer e a demência frontotemporal: variante comportamental

Processo: 16/07967-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2016 - 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia do Desenvolvimento Humano
Pesquisador responsável:Monica Sanches Yassuda
Beneficiário:Monica Sanches Yassuda
Instituição-sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Artur Martins Novaes Coutinho ; Mario Amore Cecchini ; Sonia Maria Dozzi Brucki
Bolsa(s) vinculada(s):16/20275-2 - Marcadores neurocognitivos para o diagnóstico precoce e diferencial para a doença de Alzheimer e a demência frontotemporal variante comportamental., BP.TT
Assunto(s):Envelhecimento  Doença de Alzheimer  Testes neuropsicológicos  Demência frontotemporal  Cognição 

Resumo

Estudos epidemiológicos indicam que a prevalência de demência irá crescer de forma mais intensa em países de baixa e média renda. Há grande interesse na identificação de provas neurocognitivas que possam auxiliar no diagnóstico precoce das demências. O paradigma visual short-term memory binding (VSMB) tem sido apontado como um marcador cognitivo promissor para identificar doença de Alzheimer (DA) pré clínica. Objetivos: Estudo 1. Avaliar se o VSMB consegue diferenciar idosos cognitivamente normais (CN) de idosos portadores de comprometimento cognitivo leve (CCL) e DA; Estudo 2. Investigar marcadores cognitivos inovadores baseados na cognição social para apoiar o diagnóstico precoce da demência frontotemporal variante comportamental (DFTvc). Métodos: Estudo 1: serão avaliados 30 idosos CN, 30 diagnosticados com CCL e 30 com DA, por meio de bateria neuropsicológica que incluirá o teste VSMB, aplicado na sua versão androide para tablets. Estudo 2: 30 CN serão comparados a 30 idosos diagnosticados com DFTvc e a 30 idosos com DA. A bateria neuropsicológica conterá o teste VSMB e medidas de cognição social: Mini Social Cognition and Emotional Assessment (Mini-SEA) e o paradigma Ultimatum Game. Nos dois estudos o diagnóstico de CN, CCL, DA e DFTvc será realizado por neurologistas experientes apoiados por equipe multiprofissional segundo critérios internacionais. Espera-se contribuir para o diagnóstico precoce e diferencial da DA e da DFTvc com marcadores cognitivos inovadores, para que as famílias possam ser apoiadas adequadamente durante o diagnóstico precoce e o tratamento destas condições. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LIMA-SILVA, THAIS BENTO; MIOSHI, ENEIDA; BAHIA, VALERIA SANTORO; CECCHINI, MARIO AMORE; CASSIMIRO, LUCIANA; GUIMARAES, HENRIQUE CERQUEIRA; GAMBOGI, LEANDRO BOSON; CARAMELLI, PAULO; BALTHAZAR, MARCIO; DAMASCENO, BENITO; BRUCKI, SONIA M. D.; DE SOUZA, LEONARDO CRUZ; NITRINI, RICARDO; YASSUDA, MONICA SANCHES. Disease Progression in Frontotemporal Dementia and Alzheimer Disease: The Contribution of Staging Scales. JOURNAL OF GERIATRIC PSYCHIATRY AND NEUROLOGY, AUG 2020. Citações Web of Science: 0.
ALLAN GUSTAVO BRIGOLA; TIAGO DA SILVA ALEXANDRE; KEIKA INOUYE; MONICA SANCHES YASSUDA; SOFIA CRISTINA IOST PAVARINI; ENEIDA MIOSHI. Limited formal education is strongly associated with lower cognitive status, functional disability and frailty status in older adults. Dement. Neuropsychol., v. 13, n. 2, p. 216-224, Jun. 2019.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.