Busca avançada
Ano de início
Entree

Qualidade física do solo em terras pretas arqueológicas transformadas e naturais

Processo: 15/24280-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2016 - 31 de agosto de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Água e Solo
Pesquisador responsável:Zigomar Menezes de Souza
Beneficiário:Zigomar Menezes de Souza
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Agrícola (FEAGRI). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados: Milton César Costa Campos
Assunto(s):Qualidade do solo  Física do solo  Manejo do solo  Micromorfologia do solo 

Resumo

Na paisagem Amazônica, áreas com Terras Pretas Arqueológicas (TPA's) são cada vez mais fragmentadas devido ao desmatamento e ao uso agropecuário, o que provoca transformações principalmente nos atributos físicos do solo. Assim, a pesquisa tem como objetivo estudar o impacto das alterações antrópicas e do manejo no comportamento físico e mecânico do solo em Terras Pretas Arqueológicas (TPA) naturais, comparativamente a TPA cultivadas com milho e pastagem. Será realizado o mapeamento de áreas de Terras Pretas Arqueológicas com os seguintes usos, TPA's natural e cultivadas com milho e pastagem. Em cada área, serão delimitadas malhas amostrais com as dimensões 80 x 56 m, com intervalos regulares entre os pontos de 8,0 m, perfazendo o total de 88 pontos amostrais. A amostragem dos atributos físicos e mecânicos do solo serão realizados nas camadas de 0,00-0,05, 0,05-0,10, 0,10-0,20 e 0,20-0,40 m nos pontos de cruzamento das malhas, com 352 amostras de solo por área. A qualidade física do solo será avaliada por meio do intervalo hídrico ótimo e funções específicas do solo. A estrutura do solo será avaliada por meio de análise micromorfológica e capacidade de suporte de carga do solo, relacionando a pressão de preconsolidação do solo e umidade gravimétrica. Após as análises dos dados, serão realizadas as análises de estatística descritiva e geoestatística. Desta forma, a compreensão dos processos envolvidos na degradação física das TPA's permite entender os processos que determinam a sua degradação e a busca por sistemas de cultivos menos impactantes para as suas características. O estudo entre os cultivos de milho e pastagem em terra preta arqueológica determina qual cultura vai proporcionar melhores condições de estrutura do solo, capacidade de suporte de carga e intervalo hídrico ótico visando manter a conservação do solo quando comparado com TPA natural. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LOPEZ-NORONHA, RENATO; DE SOUZA, ZIGOMAR MENEZES; RODRIGUES SOARES, MARCELO DAYRON; COSTA CAMPOS, MILTON CESAR; VIEIRA FARHATE, CAMILA VIANA; DE MEDEIROS OLIVEIRA, STANLEY ROBSON. Soil carbon stock in archaeological black earth under different land use systems in the Brazilian Amazon. AGRONOMY JOURNAL, v. 112, n. 5, p. 4437-4450, SEP-OCT 2020. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SOUZA, Zigomar Menezes de. . 2018. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Agr?cola.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.