Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização molecular e estudo do papel funcional do gene adam23 na progressão de gliomas difusos.

Resumo

Gliomas difusos consistem nos tumores malignos cerebrais mais comuns em adultos e altamente resistentes às terapias convencionais. Os variantes mais frequentes e letais desta classe são denominados de glioblastomas (GBM), que apresentam uma natureza altamente invasiva e agressiva, o que os torna dificilmente tratáveis. A cura neurocirúrgica é um objetivo inatingível e, infelizmente, os GBM continuam sendo uniformemente fatais, independentemente do tratamento.Estudos moleculares recentes, com ênfase em alterações moleculares relevantes clinicamente e com potencial para o desenvolvimento de drogas, têm contribuído para um melhor entendimento patofisiológico e estratificação da doença. Em conjunto, estes trabalhos buscam colocar um pouco de ordem na heterogeneidade dos GBM e oferecem um pouco de esperança na possibilidade de tornar a abordagem terapêutica um pouco mais específica, baseada na classificação dos gliomas em subtipos moleculares. Somado a isso, a identificação de genes funcionalmente associados com a evolução dos gliomas, buscar associá-los a determinadas classes moleculares e demonstrar sua relevância clínica consistem em desafios imprescindíveis para o entendimento da doença e sua tradução em abordagem terapêutica. Esta é a proposta geral deste projeto e o foco de estudo é o gene denominado ADAM23.O gene ADAM23 é predominantemente expresso em cérebro normal e tem sua expressão gradualmente reduzida ao longo da progressão dos gliomas. O gene ADAM23, codifica para um membro cataliticamente inativo da família das ADAMs (do inglês, A Disintegrin And Metalloproteinase Family) e está frequentemente silenciado em diversos tipos de câncer. Neste projeto propomos estudar a função, os mecanismos e relevância clínica do gene ADAM23 para a progressão dos gliomas por meio da análise dos níveis de expressão de ADAM23 em amostras primárias de gliomas difusos e pelo do uso de small hairpin RNA (shRNA) em modelos celulares de neurosferas de amostras de GBM e através de sua inoculação in vivo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
JANDREY, ELISA HELENA FARIAS; BEZERRA, MARCELLE; INOUE, LILIAN TIEMI; FURNARI, FRANK B.; CAMARGO, ANAMARIA ARANHA; COSTA, ERICO TOSONI. A Key Pathway to Cancer Resilience: The Role of Autophagy in Glioblastomas. FRONTIERS IN ONCOLOGY, v. 11, JUN 10 2021. Citações Web of Science: 0.
JANDREY, ELISA HELENA FARIAS; KUROKI, MAYRA AKEMI; CAMARGO, ANAMARIA ARANHA; COSTA, ERICO TOSONI. Quantification of Tumor Cell Adhesion in Lymph Node Cryosections. JOVE-JOURNAL OF VISUALIZED EXPERIMENTS, n. 156 FEB 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.