Busca avançada
Ano de início
Entree

Endocrine-disrupting chemicals, global warming and reproductive health in fishes

Resumo

Estressores ambientais como os EDCs (endocrine-disrupting chemicals) e o aumento de temperaturas globais podem impactar a determinação sexual e a produção de gametas em vertebrados. Apesar de dados de nossos e outros grupos sugerirem que a ação de tais estressores seja mediada por perturbações no hormônio da tireoide, no hormônio do estresse e nos padrões de produção de melatonina, os mecanismos fisiológico-moleculares destas ações e de suas interações com o clássico eixo hipotálamo-hipófise-gônada (HHG) não estão bem esclarecidos. Neste estudo, os efeitos dos EDCs e do estresse térmico sobre a sinalização da tireoide e da melatonina serão examinados no modelo animal biomédico, o Zebrafish, e na espécie de aquicultura, a Truta arco-íris. A expressão de genes-chave envolvidos lio eixo hormônio da tireoide, melatonina e sinalização de estresse térmico serão determinados para caracterizar tais mecanismos. As informações geradas serão relevantes para avaliação de impactos de EDCs e aquecimento global na saúde reprodutiva de peixes selvagens. Além disso, um melhor entendimento da diferenciação sexual e gametogênese pode trazer novas opções para otimização das tecnologias atuais de aquicultura. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Microagujas pueden aumentar la eficacia de la anestesia odontológica tópica 
Microagulhas podem aumentar a eficácia de anestesia tópica odontológica