Busca avançada
Ano de início
Entree

Criogel monolítico de Acrilamida/Alginato com o-Fosfotirosina (OPT) imobilizado como fase estacionária para purificação de IgG humana

Processo: 16/10855-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2016 - 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Sonia Maria Alves Bueno
Beneficiário:Sonia Maria Alves Bueno
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Biotecnologia  Purificação  Imunoglobulina G  Cromatografia de afinidade 

Resumo

O emprego de anticorpos nas áreas analítica, diagnóstico, biossensores, proteômica e terapêutica têm crescido nas últimas décadas e movimentado um mercado de U$ 70 bilhões por ano, representando cerca de 6% da receita da indústria farmacêutica mundial. Na área terapêutica, são requeridos grandes doses de preparações homogêneas de anticorpos por paciente, portanto, a purificação dessas moléculas em larga escala é fundamental. Dado que os processos de purificação disponíveis são, de maneira geral, multietapas, longos, de alto custo e com baixo rendimento, justifica-se a necessidade do estudo de técnicas que promovam bom rendimento e produtividade para purificá-los. Um dos recentes desenvolvimentos neste campo é a cromatografia em leitos monolíticos, pois estes apresentam propriedades adequadas para a bioseparação em larga escala, uma vez que apresentam baixa resistência ao fluxo através da coluna e a transferência de massa é governada principalmente por convecção. Este projeto visa o desenvolvimento de um adsorvente monolítico macroporoso a base de poliacrilamida e alginato, preparado pela técnica de crio-polimerização para ser empregado para a purificação de IgG humana. Após ativação com epicloridrina, o ligante pseudobioespecífico OPT será imobilizado no criogel, uma vez que nosso grupo de pesquisa demonstrou que este ligante adsorveu seletivamente IgG a partir do plasma humano (projeto financiado pela FAPESP). O desenvolvimento de criogel a base de poliacrilamida e alginato está sendo proposto devido ao baixo custo e as propriedades hidrofílicas desses materiais. Os criogéis preparados a base de poliacrilamida e alginato serão caracterizados quanto à porosidade, morfologia, absorção de água e permeabilidade hidráulica. A seletividade e a identificação da porção da IgG (Fab ou Fc) adsorvida no OPT imobilizado também serão investigadas. Alguns parâmetros importantes para ampliação de escala, como capacidade máxima e constante de dissociação do complexo OPT-IgG e a capacidade dinâmica do adsorvente serão determinados. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.