Busca avançada
Ano de início
Entree

Dinâmica longitudinal do ribeirão das Pitangueiras, Barretos/SP e efeitos das atividades antrópicas na distribuição espacial e temporal da comunidade de macrófitas aquáticas

Resumo

A dinâmica espacial e temporal dos rios depende de sua interação com as bacias hidrográficas e das flutuações na hidrologia regional. Essa dinâmica pode ser interrompida devido as atividades antrópicas, que alteram os compartimentos e as comunidades ao longo do gradiente longitudinal do rio. Muitos aspectos do ambiente aquático estão relacionados à ocorrência e distribuição das macrófitas aquáticas. A poluição dos corpos hídricos pode causar um "Descontinuum" da distribuição espacial e temporal das macrófitas. Assim, para compreender os efeitos das atividades antrópicas e dos fatores abióticos e bióticos na distribuição das macrófitas em ambientes lóticos é necessário abordar as características do ambiente em diferentes escalas espaciais. O ribeirão das Pitangueiras (Barretos/SP) recebe efluentes domésticos, industriais e da agropecuária. Por isso, os objetivos deste projeto serão conhecer os compartimentos e compreender a dinâmica dos processos direcionados da nascente à foz do ribeirão das Pitangueiras e avaliar os efeitos das atividades antrópicas sobre estrutura e a distribuição espacial e temporal da comunidade de macrófitas, considerando uma abordagem multiespacial (em escala regional, local e pontual). Para tanto, três unidades amostrais (UA´s) com 200 m cada serão determinadas: uma localizada próxima à nascente do ribeirão; uma na parte intermediária (aproximadamente 20 km à jusante da nascente) e outra na foz do ribeirão das Pitangueiras. Nas UA´s serão determinadas a presença ou ausência de macrófitas, medidas de declividade da margem, radiação incidente, medidas de profundidade, abertura do dossel no canal do rio, determinação do coeficiente de atenuação de luz e as variáveis limnológicas. Espera-se com os resultados deste projeto compreender a dinâmica longitudinal do ribeirão das Pitangueiras e os efeitos da entrada de fertilizantes e o lançamento de efluentes sobre a estrutura e a distribuição espacial e temporal das macrófitas aquáticas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)