Busca avançada
Ano de início
Entree

Modificação pós-traducional de proteínas em Giardia lamblia: estudo do SUMOiloma e da SUMOilação de proteínas do citoesqueleto

Resumo

A rede de microtubulos (MTs) e os filamentos de actina são estruturas cruciais do citoesqueleto e contribuem na manutenção da morfologia, na proliferação, migração e diferenciação das células. Estes filamentos regulam dinamicamente as funções celulares e são reorganizados, por exemplo, durante a mitose para formar células arredondadas e com maior rigidez cortical. O citoesqueleto é reestabelecido depois da mitose, permitindo às células readquirir seu formato original. A modulação destas mudanças drásticas em coordenação com a progressão pelo ciclo celular sugere uma regulação entre o citoesqueleto, cascatas de sinalização e a mitose. Neste cenário, a SUMOilação de proteínas controla uma série de funções nas células, incluindo o controle do ciclo celular. Em células de mamíferos, a SUMO é ligada covalentemente a componentes do citoesqueleto como proteínas associadas a microtúbulos, às septinas, à actina nuclear e a proteínas reguladoras de actina. No entanto, o papel desta modificação no citoesqueleto de protozoários parasitas, como a Giardia lamblia, ainda é pouco conhecida. Resultados de nosso laboratório mostraram que o silenciamento da expressão de SUMO em G. lamblia resulta em trofozoítos com anormalidades morfológicas, proliferação diminuída e acúmulo dos parasitas nas fases G1/S do ciclo celular. Dados de imunoprecipitação com um anticorpo anti-SUMO de Giardia e análises por espectrometria de massas indicam que componentes do citoesqueleto (actina, ±- e ²-tubulina, Lek1 e a quinases CMGC) são SUMOiladas no parasita. A ±-tubulina de Giardia já foi confirmada como um substrato de SUMO pelo nosso grupo, no entanto o papel desta modificação na funcionalidade da tubulina ainda é desconhecida. Neste sentido, esta linha de pesquisa tem por objetivo investigar e compreender em detalhes o papel da SUMOilação de proteínas na (des)montagem das redes do citoesqueleto como os microtúbulos (±- e ²-tubulina), nas estruturas de actina (giActina) e na regulação do ciclo celular em Giardia lamblia. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)