Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência de técnicas e materiais de moldagem, tempos e materiais de vazamento na exatidão tridimensional de modelos totais por escaner de contato e adaptação cervical de infraestruturas em Y-TZP

Resumo

Este estudo irá analisar a exatidão de modelos totais de gesso, obtidos a partir de diferentes técnicas e materiais de moldagem, tempos e materiais de vazamento, bem como mensurar o desajuste marginal cervical de infraestruturas de zircônia tetragonal estabilizada por ítria (Y-TZP) sobre preparos dentais para coroa total. Será utilizado um modelo mestre com preparos nos dentes 14, 16, 21 e 25, sobre o qual infraestruturas em Y-TZP serão confeccionadas. Serão utilizadas três técnicas de moldagem: (T1) mistura simultânea, (T2) reembasamento - alívio com filme de PVC e (T3) moldagem digital - Cerec Conect Omnicam (Sirona). Os moldes convencionais serão submetidos à desinfecção com hipoclorito de sódio a 1,0 % por 10 minutos, previamente ao vazamento de gesso. Para os moldes com silicone de condensação o gesso será vazado após 30 minutos, 3 ou 7 dias. Para os moldes em silicone de adição, os modelos serão obtidos após 2 horas, 3, 7 ou 15 dias. Para cada técnica de moldagem/tempo de vazamento serão obtidos 8 moldes totais, por único operador calibrado, com moldeira de estoque e silicone de condensação (Speedex; Coltène/Whaledent Inc.) ou adição (Express XT; 3M ESPE). Os vazamentos serão realizados com gessos tipo IV (GC Fuji Rock EP - GC America e Zero Stone - Dentona AG). Para a análise da exatidão dimensional, os modelos obtidos pelas técnicas T1 e T2 serão escaneados pelo escâner de contato MDX-40 (Roland, Centro de Tecnologia da Informação - CTI, Campinas, SP, Brasil), calibrado em 0,2 mm para cada traçado da ponta de contato sobre a superfície escaneada, e as medidas tridimensionais obtidas comparadas com àquelas dos modelos digitais obtidos com a técnica T3, por meio de sobreposição digital. Para a análise da adaptação marginal cervical das infraestruturas em Y-TZP, as mesmas serão passivamente adaptadas sobre os preparos nos modelos de gesso, sendo as mensurações realizadas em estereomicroscópio. Verificar-se-ão os resultados quanto ao número amostral com poder estatisticamente significante, distribuição dos dados amostrais e homocedasticidade. Em seguida, métodos estatísticos serão empregados para se avaliar a influência das variáveis independentes do estudo, adotando nível de significância de 5,0 %. (AU)