Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação das estratégias de interação de uma amostra de Escherichia coli enteropatogênica atípica produtora do padrão híbrido localizado/agregativo, isolada de um surto de diarréia no Brasil

Processo: 15/26207-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2017 - 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Rodrigo Tavanelli Hernandes
Beneficiário:Rodrigo Tavanelli Hernandes
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados:João Pessoa Araújo Junior ; Luis Fernando dos Santos ; Tânia Aparecida Tardelli Gomes do Amaral
Assunto(s):Diarreia  Aderência  Microbiologia  Escherichia coli enteropatogênica 

Resumo

Escherichia coli enteropatogênica (EPEC), um importante agente de diarreia que acomete crianças e adultos, tem como principal característica de virulência a capacidade de induzir uma lesão que se caracteriza pela destruição das microvilosidades das células epiteliais e formação de uma estrutura em forma de pedestal rica em F-actina e outros elementos do citoesqueleto, denominada de lesão attaching and effacing. Esse patotipo é divido em dois grupos: EPEC típica (tEPEC) e EPEC atípica (aEPEC), sendo essa divisão baseada na presença de um plasmídeo presente nas tEPEC (pEAF: EPEC adherene fator), que está associado a um fenótipo conhecido como aderência localizada (AL), onde as bactérias se aderem a superfície das células epiteliais formando microcolônias compactas. aEPEC é um patógeno emergente que vem ganhando relevada importância no cenário epidemiológico mundial, uma vez que tem sido isolada com frequência de indivíduos com diarreia e também implicada como agente surtos em diferentes regiões geográficas. Em um estudo anterior do nosso laboratório, identificamos um isolado de aEPEC (sorotipo O2:H16), obtido durante a investigação de um surto de diarreia, capaz de aderir as células HeLa em um padrão localizado (AL) e agregativo (AA) concomitantemente, produzindo o padrão hibrido AL/AA, mesmo na ausência do pEAF. Nosso objetivo principal compreende entender a cinética de interação desse isolado com células epiteliais (adesão e invasão), bem como avaliar a contribuição de importantes estruturas bacterianas, como o flagelo e o sistema de secreção do tipo 3, e identificar novas potenciais adesinas que possam contribuir para o estabelecimento e evolução deste fenótipo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIEIRA, MELISSA A.; DIAS, REGIANE C. B.; DOS SANTOS, LUIS F.; RALL, VERA L. M.; GOMES, TANIA A. T.; HERNANDES, RODRIGO T. Diversity of strategies used by atypical enteropathogenic Escherichia coli to induce attaching and effacing lesion in epithelial cells. Journal of Medical Microbiology, v. 68, n. 6, p. 940-951, JUN 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.