Busca avançada
Ano de início
Entree

Um estudo sobre o controle do pulgão-da-soja por meio de modelagem matemática

Processo: 16/04299-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2017 - 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Magda da Silva Peixoto
Beneficiário:Magda da Silva Peixoto
Instituição-sede: Centro de Ciências e Tecnologias para a Sustentabilidade (CCTS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Sorocaba , SP, Brasil
Pesq. associados:Estevão Esmi Laureano ; Laécio Carvalho de Barros ; Rogério Hartung Toppa ; Silvia Maria Simões de Carvalho
Assunto(s):Soja  Controle de pragas  Pulgão  Programação linear  Lógica fuzzy  Modelos matemáticos 

Resumo

Este projeto propõe controle químico para pulgão de soja por programação linear fuzzy e controle ótimo fuzzy (via transformada fuzzy). O modelo inclui um sistema predador-presa fuzzy, a fim de descrever a interação entre a presa, Aglycines Aphis (Hemiptera: Aphididae) - o pulgão soja, e seu predador, Orius insidiosus (Hemiptera: Anthocoridae). A seguir, será feita uma comparação entre o controle por controle ótimo fuzzy e o controle por programação linear fuzzy. Limiares econômicos já foram desenvolvidos para esta praga. Por um lado, o pulgão da soja ainda não é encontrado no Brasil. Portanto, antes de qualquer eventual invasão, um modelo preditivo para um programa de controle é desejável. Por outro lado, o pulgão da soja tornou-se a praga de insetos mais devastadora de soja nos Estados Unidos. O Brasil é o segundo maior exportador de soja no momento, depois dos EUA e antes Argentina. De acordo com a Secretaria de Agricultura dos EUA, estima-se que o Brasil será o maior exportador de soja em 2023. (AU)