Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução cariotípica e de cromossomos sexuais em peixes neotropicais. Parte II

Processo: 16/21411-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2017 - 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Luiz Antonio Carlos Bertollo
Beneficiário:Luiz Antonio Carlos Bertollo
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Pesq. associados: Eliana Feldberg ; Marcelo de Bello Cioffi ; Orlando Moreira Filho
Bolsa(s) vinculada(s):17/05844-3 - Plano de trabalho para bolsa TT3 junto ao laboratório de citogenética de peixes, BP.TT
Assunto(s):Citogenética  Cromossomos sexuais  Peixes  Hibridização genômica comparativa 

Resumo

Os peixes das famílias Erythrinidae e Triportheidae constituem excelentes modelos investigativos para a citogenética evolutiva. Um destacado acervo de dados cariotípicos e marcadores cromossômicos, particularmente dos gêneros Hoplias (Erythrinidae) e Triportheus (Triportheidae), já foram obtidos em nossos estudos prévios. O presente projeto dará continuidade ao projeto anterior (FAPESP- 2014/22532-7), enfocando agora as inter-relações dessas famílias com outros grupos da nossa ictiofauna e a obtenção de novos avanços no que se refere ao processo evolutivo dos cromossomos sexuais. No tocante à família Erythrinidae, serão investigadas suas relações cromossômicas com as famílias Hepsetidae, Lebiasinidae e Ctenolucidae, tendo em vista propostas filogenéticas apontando a proximidade entre elas. Buscar-se-ão subsídios cromossômicos robustos, obtidos a partir de marcadores resolutivos da citogenética molecular, que contribuam para o esclarecimento das relações evolutivas entre essas famílias, um campo ainda em aberto na ictiologia Neotropical. Serão também enfatizadas a gênese e a diferenciação de um raro sistema XX/XY1Y2 entre os peixes, avançando assim no entendimento do processo evolutivo dos cromossomos sexuais entre os vertebrados inferiores. Por sua vez, a prospecção de homologias e divergências genômicas entre os cariomorfos de Hoplias malabaricus propiciará um passo significativo na caracterização da biodiversidade críptica presente neste provável complexo de espécies. Para tanto, serão utilizadas abordagens da hibridização genômica comparativa (CGH) e pintura cromossômica total (WCP), com sondas obtidas a partir de procedimentos de microdissecção cromossômica. Quanto à família Triportheidae, a citogenética comparativa de espécies de Triportheus com outros grupos congenéricos, assim como com famílias irmãs, permitirá investigar a gênese evolutiva do sistema de cromossomos sexuais ZZ/ZW, característico de Triportheus, entre grupos aparentados. Significativamente, o compartilhamento de um mesmo sistema de cromossomos sexuais entre grupos irmãos poria em destaque a trajetória particular desta condição entre os peixes, revelando uma novidade evolutiva neste grupo biológico. Para tal fim serão empregados experimentos de CGH e de pintura cromossômica total (WCP) com sondas derivadas dos cromossomos sexuais Z e W de Triportheus. Por fim, a prospecção de genes associados aos cromossomos sexuais de Triportheus propiciará subsídios significativos para uma futura investigação de genes candidatos à determinação do sexo entre os peixes, um campo ainda altamente carente de conhecimento neste grupo biológico. Neste sentido, será utilizado o seqüenciamento de nova geração pelo método DARt-Seq, altamente informativo e ainda com aplicação inédita entre os peixes, em parceria com pesquisadores da Universidade de Canberra (Austrália). Assim sendo, os resultados esperados neste projeto deverão possibilitar avanços relevantes no tocante à evolução cariotípica e dos cromossomos sexuais, caracterização da biodiversidade críptica da nossa ictiofauna, suas relações evolutivas e sua composição genômica, tendo como ponto de partida os sólidos conhecimentos anteriores já adquiridos com os dois grupos modelos que embasam a presente proposta. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SEMBER, ALEXANDR; BERTOLLO, LUIZ A. C.; RAB, PETR; YANO, CASSIA F.; HATANAKA, TERUMI; DE OLIVEIRA, EZEQUIEL A.; CIOFFI, MARCELO DE BELLO. Sex Chromosome Evolution and Genomic Divergence in the Fish Hoplias malabaricus (Characiformes, Erythrinidae). FRONTIERS IN GENETICS, v. 9, MAR 5 2018. Citações Web of Science: 4.
DE OLIVEIRA, EZEQUIEL AGUIAR; SEMBER, ALEXANDR; CARLOS BERTOLLO, LUIZ ANTONIO; YANO, CASSIA FERNANDA; EZAZ, TARIQ; MOREIRA-FILHO, ORLANDO; HATANAKA, TERUMI; TRIFONOV, VLADIMIR; LIEHR, THOMAS; AL-RIKABI, AHMED BASHEER HAMID; RAB, PETR; PAINS, HUGMAR; CIOFFI, MARCELO DE BELLO. Tracking the evolutionary pathway of sex chromosomes among fishes: characterizing the unique XX/XY1Y2 system in Hoplias malabaricus (Teleostei, Characiformes). CHROMOSOMA, v. 127, n. 1, p. 115-128, MAR 2018. Citações Web of Science: 5.
CARVALHO, PEDRO C.; DE OLIVEIRA, EZEQUIEL A.; BERTOLLO, LUIZ A. C.; YANO, CASSIA F.; OLIVEIRA, CLAUDIO; DECRU, EVA; JEGEDE, OLADELE I.; HATANAKA, TERUMI; LIEHR, THOMAS; AL-RIKABI, AHMED B. H.; CIOFFI, MARCELO DE B. First Chromosomal Analysis in Hepsetidae (Actinopterygii, Characiformes): Insights into Relationship between African and Neotropical Fish Groups. FRONTIERS IN GENETICS, v. 8, DEC 12 2017. Citações Web of Science: 4.
ROSA DE MORAES, RENATA LUIZA; CARLOS BERTOLLO, LUIZ ANTONIO; FERREIRA MARINHO, MANOELA MARIA; YANO, CASSIA FERNANDA; HATANAKA, TERUMI; BARBY, FELIPE FAIX; TROY, WALDO PINHEIRO; CIOFFI, MARCELO DE BELLO. Evolutionary Relationships and Cytotaxonomy Considerations in the Genus Pyrrhulina (Characiformes, Lebiasinidae). ZEBRAFISH, v. 14, n. 6, p. 536-546, DEC 2017. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.