Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação demográfica, genética e sanitária da queixada (Tayassu pecari), uma espécie-chave e ameaçada, em dois dos seus últimos locais de ocorrência na Mata Atlântica

Processo: 15/20133-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2017 - 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Cibele Biondo
Beneficiário:Cibele Biondo
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Pesq. associados:Fábio Sarubbi Raposo do Amaral ; Marcos Bryan Heinemann ; Maria Luisa da Silva Pinto Jorge ; Mauro Galetti Rodrigues
Assunto(s):Diversidade genética  Conservação da biodiversidade  Conservação  Epidemiologia  Risco sanitário 

Resumo

Queixadas (Tayassu pecari) são fundamentais na dinâmica de regeneração de florestas neotropicais. Vivem em bandos de dezenas a centenas de indivíduos e criam padrões de distúrbio e regeneração na floresta de escala e intensidade que são únicas desta espécie. São altamente vulneráveis à caça e à fragmentação, restando pouquíssimas populações de queixada na Mata Atlântica. Destas, pouco se sabe sobre seu status demográfico, genético e sanitário. O presente estudo irá amostrar populações remanescentes de queixadas em duas áreas de Mata Atlântica (Parque Estadual Ilha do Cardoso e Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Santa Virgínia) com objetivo de responder às seguintes perguntas: (1) Qual é o tamanho populacional (de censo e efetivo) e a densidade em cada área estudada? (2) As duas populações encontram-se diferenciadas geneticamente? Se sim, essa diferenciação é histórica ou recente? (3) Qual o grau de diversidade genética das duas populações estudadas? (4) Essas populações passaram por gargalos populacionais recentes? (5) Existe evidência significativa de endogamia para tais populações? (6) Quais os patógenos presentes nas duas populações e suas respectivas prevalências? Para tanto, utilizaremos técnicas modernas de biologia molecular para estimativas de tamanho/densidade populacional e diversidade genética; e técnicas diagnósticas sorológicas, moleculares e epidemiológicas para avaliação do risco sanitário. O presente estudo proporcionará melhor compreensão da situação das populações de uma espécie-chave e criticamente ameaçada em uma das últimas regiões de Mata Atlântica protegida e contínua onde a espécie ainda ocorre, fornecendo dados importantes para sua conservação. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MACIEL, FERNANDA DE GOES; RUFO, DANILO AQUEU; KEUROGHLIAN, ALEXINE; RUSSO, ANNA CAROLINA; BRANDT, NATHALIA MORESCHI; VIEIRA, NATALY FERNANDES; DA NOBREGA, BRUNA MOURA; NAVA, ALESSANDRA; NARDI, MARCELLO SCHIAVO; DE ALMEIDA JACOMO, ANAH TEREZA; SILVEIRA, LEANDRO; FURTADO, MARIANA MALZONI; TORRES, NATALIA MUNDIM; MIYAKI, CRISTINA YUMI; TAMBOSI, LEANDRO REVERBERI; BIONDO, CIBELE. Genetic diversity and population structure of white-lipped peccaries (Tayassu pecari) in the Pantanal, Cerrado and Atlantic Forest from Brazil. Mammalian Biology, v. 95, p. 85-92, MAR 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.