Busca avançada
Ano de início
Entree

Filogenia molecular inferida através de genes concatenados de duas espécies de peixes Neotrópicos e implicações para conservação

Processo: 17/04265-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de maio de 2017 - 31 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética
Pesquisador responsável:Eduardo Leonardecz Neto
Beneficiário:Eduardo Leonardecz Neto
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Pseudoplatystoma  Diversidade genética  Conservação  Filogenia 

Resumo

Os Neotrópicos hospedam a ictiofauna mais diversa do mundo, com espécies de bagres formando um dos grupos mais diversos da região. Foram analisados marcadores nucleares (RAG1) e mitocondriais (ATPase e Cytb) para identificar variabilidade genética em populações de P. reticulatum e P. corruscans das bacias do Prata e São Francisco. A topologia bayesiana identificou a divisão de P. corruscans em dois clados principais. Um desses clados foi formado a partir de amostras da Bacia do São Francisco e o outro foi formado a partir de amostras das bacias Paraná e Paraguai. P. reticulatum foi agrupada sem qualquer padrão geográfico ou taxonômico claro em topologia bayesiana. Embora apenas alguns haplótipos nucleares comuns tenham sido amplamente identificados em ambas as espécies, houve grande variabilidade nas sequências mitocondriais. As correlações de distância geográfica e genética foram testadas utilizando a permutação de Mantel, que não detectou relações significativas. Os resultados do presente estudo sugerem uma população panmítica para ambas as espécies (excluindo P. corruscans na Bacia de São Francisco, sugerida como uma nova espécie), com a maior diversidade concentrada na região coberta pelo bioma Pantanal e menor Diversidade em Mogi Guaçu, na Bacia do Paraná. Esses achados apóiam o estabelecimento de políticas públicas de conservação e fornecem informações sobre a diversidade genética e padrões de diferenciação populacional para essas espécies ecológica e economicamente importantes. (AU)