Busca avançada
Ano de início
Entree

Quimioprofilaxia na prevenção da hanseníase em contatos domiciliares: revisão sistemática e metanálise de ensaios clínicos randomizados

Processo: 16/14394-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2017 - 30 de junho de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Regina Paolucci El Dib
Beneficiário:Regina Paolucci El Dib
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Pesq. associados:Ricardo Augusto Monteiro de Barros Almeida
Assunto(s):Medicina baseada em evidências  Vacina BCG  Ensaio clínico  Revisão sistemática  Rifampicina  Hanseníase 

Resumo

A hanseníase é uma doença crônica infectocontagiosa que pode causar danos principalmente à pele e aos nervos periféricos como, perda da sensibilidade e da força muscular que pode levar a deformidades secundárias como a deficiência dos olhos, mãos e pés. A fonte de transmissão é por meio de pacientes não tratados. A hanseníase ainda persiste em países em desenvolvimento como Índia, Indonésia e, inclusive no Brasil. Nos países desenvolvidos a hanseníase já foi eliminada, não representa desta forma, um risco para a saúde pública. Uma das estratégias de prevenção é a utilização do bacilo de Calmette & Guérin (BCG) que é uma imunoterapia indicada inicialmente pela OMS para a prevenção da tuberculose causada por um Mycobacterium estreitamente relacionado com Mycobacterium leprae. O seu efeito de proteção tem sido apontado em vários estudos, que varia de 20 a 90%. A vacina ofereceu uma maior proteção contra a hanseníase multibacilar, o que caracterizou um auxílio na classe responsável pela transmissão da doença. O uso da BCG foi indicada para os contatos intradomiciliares por ser o grupo de maior risco para adquirir a doença. Desta forma, este projeto tem como objetivo avaliar a eficácia e segurança da quimioprofilaxia na prevenção transmissão da doença em contatos de pacientes com hanseníase. O projeto de pesquisa será conduzido no Departamento de Anestesiologia, na Pós-Graduação Bases Gerais da Cirurgia (FMB/Unesp) e, na Unidade de Medicina Baseada em Evidências da FMB/UNESP. Será realizada uma revisão sistemática de ensiaos clínicos randomizados. As seguintes bases de dados serão pesquisadas: Pubmed, CENTRAL (the Cochrane Library), Embase e Lilacs. A análise e coleta de dados será realizada por dois revisores, independentemente, que selecionarão os estudos em potencial. (AU)